The importance of multi-professional, interdisciplinary care in rehabilitation and health promotion directed at patients with cleft lip/palate

  • Daniela Lorenzzoni UFSC
  • Daniela Lemos Carcereri Universidade Federal de Santa Catarina
  • Arno Locks Universidade Federal de Santa Catarina
Keywords: Cleft lip, cleft palate, Public Health, Dentistry

Abstract

Cleft lip/palate is the one of the most prevalent congenital craniofacial deformities. According to data from the Brazilian Institute of Statistics and studies carried out at the Craniofacial Anomaly Rehabilitation Hospital in Bauru/SP, cleft lip/palate occurs in one out of every 650 births in Brazil. Cleft lip/palate may result in impairments that stigmatize the individual and have an impact on health, emotions and social interaction. Treatment requires children with cleft lip/palate to be monitored from birth to young adulthood in order to avoid further functional, aesthetic and psychological impact. The present literature review offers reflections on the organization of the work process of multi-professional, interdisciplinary care in rehabilitation and health promotion directed at patients with cleft lip/palate. There are gaps in the integration between the specialties that make up the three levels of care in the Brazilian public health care system and there is a need for the government to ensure reference and counter-reference services.

Author Biographies

Daniela Lorenzzoni, UFSC
Possui GRADUAÇÃO em ODONTOLOGIA pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC (2000). MESTRE em odontologia area de concentração Saúde Coletiva pela UFSC (2007). Atualmente é CIRURGIÃ-DENTISTA da Prefeitura Municipal de Florianópolis, atuando como Tutora do Programa de Residencia Multiprofissional em Sáude da Familia pela UFSC.
Daniela Lemos Carcereri, Universidade Federal de Santa Catarina
Possui graduação em Odontologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (1985), mestrado em Odontologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (1991) e doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005). Atualmente é professora assistente IV, do curso de graduação em odontologia, e Professora da pós-graduação em odontologia, área de concentração em saúde coletiva, da Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência na área de Odontologia, com ênfase em Saúde Bucal Coletiva, atuando principalmente nos seguintes temas: recursos humanos, saúde da família, odontopediatria, promoção da saúde, integralidade e interdisciplinaridade em saúde.
Arno Locks, Universidade Federal de Santa Catarina
possui graduação em Odontologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (1973) , mestrado em Odontologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1981) , doutorado em Odontologia (Ortodontia) [Araraquara] pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1996) e pós-doutorado pela Royal School Of Dentistry University Of Aarhus (2004) . Atualmente é PROFESSOR da Universidade Federal de Santa Catarina, da Jornal Brasileiro de Ortodontia Ortopedia Facial, da Revista Dental Press de Ortodontia E Ortopedia Facial, CONSULTOR CIENTÍFICO da Revista Clínica de Ortodontia Dental Press, CONSULTOR CIENTÍFICO da Revista da Sociedade Brasileira de Ortodontia e PRESIDENTE do Associação Brasileira Cirurgiões Dentistas. Tem experiência na área de Odontologia , com ênfase em Ortodontia.
Published
2010-04-05
Section
Literature Review