Nos interstícios da cultura: as contribuições da filosofia intercultural

  • Magali Mendes de Menezes UFRGS
Palavras-chave: interculturalidade, filosofia intercultural, educação, diálogo

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo refletir a importância da Interculturalidade no campo da educação. Aprofunda-se, desse modo, o conceito de cultura em diferentes autores para, a partir do pensamento do filósofo cubano Raúl Fornet-Betancourt, refletir as contribuições da filosofia intercultural na educação. Quando pensamos desde os interstícios da cultura intencionamos provocar a reflexão para um tema que parece ter sido tão discutido por diferentes áreas do conhecimento, inclusive pela própria Educação. Contudo, pensar a cultura dentro do atual contexto em que vivemos nos exige fundamentalmente compreender a complexidade das relações entre as diversas culturas. A interculturalidade se apresenta assim como uma exigência ética de reconhecimento do outro onde o diálogo torna-se um exercício de justiça.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Magali Mendes de Menezes, UFRGS
Doutora em Filosofia, Professora da UFRGS.
Publicado
2011-07-24
Como Citar
Menezes, M. M. de. (2011). Nos interstícios da cultura: as contribuições da filosofia intercultural. Educação, 34(3). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/index.php/faced/article/view/7410