Educação a distância: contrapondo críticas, tecendo argumentos

  • Esther Hermes Lück UFF
Palavras-chave: Educação a Distância, Uso Crítico das Tecnologias, Formação Docente

Resumo

Este artigo toma a produção teórica de alguns autores referenciais, para desenvolver questionamentos acerca das críticas atualmente formuladas à Educação a Distância. Considera que as novas tecnologias da Educação provocam reações diversas e contraditórias, que vão do otimismo exacerbado ao questionamento radical. Estas posturas revelam os aspectos político-ideológicos que subjazem aos posicionamentos críticos. Apresenta a questão da formação docente como o foco central do debate e o uso reflexivo e pedagógico das novas ferramentas tecnológicas como um dos fatores prioritários para a criação de processos capazes de responder às necessidades e desafi os que se impõem na sociedade do conhecimento. Descritores – Educação a Distância; Uso Crítico das Tecnologias; Formação Docente.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Lück, E. H. (2008). Educação a distância: contrapondo críticas, tecendo argumentos. Educação, 31(3). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/index.php/faced/article/view/4480
Seção
Outros Temas