A gestão educacional e a inclusão da temática ambiental nos PPPs de escolas públicas municipais

Palavras-chave: Educação Ambiental, Projeto Político Pedagógico, Gestão Educacional.

Resumo

A presente pesquisa tem como objetivos: (a) compreender como foram elaborados os projetos político pedagógicos (PPPs) de quatro escolas de ensino fundamental, públicas, localizadas em um município do sudoeste da Bahia, e (b) conhecer como é abordada a temática educação ambiental (EA) nas matrizes curriculares desses projetos. Foram analisados quatro PPPs, de quatro escolas municipais que atendem aos anos iniciais do ensino fundamental. Além disso, foram realizadas entrevistas semiestruturadas com 27 professores. O estudo é de natureza qualitativa, descritiva e exploratória. Foi realizada análise documental dos PPPs e, ainda, a categorização dos textos desses documentos, utilizando-se o software IRAMUTEQ. A triangulação dos dados foi realizada segundo Minayo (2010). Dos quatro PPPs analisados, três apresentam matrizes curriculares que contemplam a temática EA sob uma perspectiva conservacionista, e um aborda a inserção da EA em uma perspectiva socioambiental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Tereza Rocha Ramos, Universidade de Taubaté (UNITAU), Taubaté, SP, Brasil.

Mestre em Educação pela Universidade de Taubaté (UNITAU) em Taubaté, SP, Brasil. Professora do ensino fundamental da rede municipal em Vitória da Conquista, BA, Brasil.

Patricia Diana Edith Belfort de Souza e Camargo Ortiz Monteiro, Universidade de Taubaté (UNITAU), Taubaté, SP, Brasil.

Doutora em Ciências Ambientais pela Universidade de Taubaté (UNITAU), em Taubaté, SP. Professora do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade de Taubaté, em Taubaté, SP, Brasil e do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

Referências

Agenda 21. (2012). Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento. http://www.org.br.rio20/img/2012/01/agenda21.pdf.

Aranha, M. L. A. (1996) História da Educação (2. ed.). Moderna.

Benincá, E., & Caimi, F. E. (Orgs.) (2001). Formação de Professores: um diálogo entre a teoria e a prática. UPF. Constituição da República Federativa do Brasil (16. ed.). (1988). Atlas. http://www.senado.gov.br/legislação/const/con1988/con1988_05.10.1988/con1988.pdf.

Carvalho, I. C. M. (2004). Educação Ambiental: A formação do sujeito ecológico (4. ed.) Cortez.

Dias, G. F. (1992). Educação Ambiental: Princípios e práticas. Gaia.

Dourado, L. F. (2000). A escolha de dirigentes escolares: políticas e gestão da educação no Brasil. In Ferreira, N. S. C. (Org.). Gestão democrática da educação: atuais tendências, novos desafios (pp. 77-95). Cortez.

Layragues, P. P. (2012). Para onde vai a Educação Ambiental? O Cenário político-ideológico da Educação Ambiental brasileira e os desafios de uma agenda política crítica contra hegemônica. Rev. Contemporânea de Educação, 7(14): 398-421.

Leff, E. E. (2010). Epistemologia Ambiental (5. ed.). Cortez. Lei nº 010172 de 09 de janeiro de 2001. Aprova o Plano Nacional de Educação e dá outras providências. MEC/SEF. http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/L10172.pdf.

Lei nº 9.795, de 27 de abril de 1999. Dispõe sobre a Educação Ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. MEC/SEF.

Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996: estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. http://www. planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm

Lima, G. F. C. (jan./abr. 2009). Educação Ambiental Crítica: Do socioambientalismo às sociedades sustentáveis. Educação e Pesquisa, 35(1), 145-163. http://www.scielo.br/pdf/ep/v35n1/a10v35n1.pdf

Loureiro, C. F. B. et al. (2000). Cidadania e Meio Ambiente: Construindo os recursos do amanhã. Centro de Recursos Ambientais.

Luck, H. (2008). Gestão educacional: uma questão paradigmática (4. ed., Série: Cadernos de Gestão). Editora Vozes.

Minayo, M. C. S. (2010). Introdução. In M.C.S. Minayo et al. (Org.). Avaliação por triangulação de métodos: Abordagem de Programas Sociais (pp. 19-51). Fiocruz.

Ministério da Educação (1997). Parâmetros Curriculares Nacionais: Ciências Naturais. MEC/SEF. http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/livro04.pdf

Ministério da Educação. (1998). Parâmetros curriculares nacionais: ética. MEC/SEF.

Ministério da Educação. (2018) Base Nacional Comum Curricular (2. versão revista). MEC/SEF. http://basenacionalcomum.mec.gov.br/documentos/bncc-2versao.revista.pdf.

Ministério da Educação. (2008). Plano de Desenvolvimento da Educação. MEC/SEF. http://portal.mec.gov.br/arquivos/pde/oquee.html.

Moreira, M. F. (2001). Caminhadas Ecológicas como uma nova prática educacional. In Selles, S. E. et al. (Orgs.). Anais do I Encontro Regional de Ensino de Biologia da Regional RJ/ES – Novo milênio, novas práticas educacionais, UFF e SBEnBio RJ/ES, 479-480.

Morin, E. (2000). A cabeça bem-feita: repensar a reforma, reformar o pensamento (7. ed.). Bertrand.

Paro, V. H. (2001). Administração escolar: introdução crítica (10. ed.). Cortez.

Projeto Político Pedagógico (2011). Escola Municipal Perícles Gusmão Régis. Vitória da Conquista – BA.

Projeto Político Pedagógico (2016) Escola Municipal Professora Ita David de Castro. Vitória da Conquista – BA.

Projeto Político Pedagógico (2017). Escola Municipal Iza Medeiros. Vitória da Conquista – BA.

Reigota, M. (2013). Meio Ambiente e Representação Social. Cortez.

Sander, B. (2005). Políticas Públicas e Gestão Democrática da Educação. Liber Livro Editora.

Sauvé, L. (2000). Para construir um patrimônio de investigación em educación ambiental. Tópicos en Educación Ambiental. 2(5), 51-69.

Shiroma, O. E; Moraes, M. C. M, & Evangelista, O. (2011). Política Educacional (4. ed.). Lamparina.

Vasconcelos, C. S. (2002). Coordenação do Trabalho Pedagógico: do Projeto Político-Pedagógico ao cotidiano da sala de aula. Libertad.

Veiga, I. P. A. (2001). Projeto Político Pedagógico: Uma construção possível. Cortez.

Publicado
2021-12-31
Como Citar
Ramos, M. T. R., & Monteiro, P. D. E. B. de S. e C. O. . (2021). A gestão educacional e a inclusão da temática ambiental nos PPPs de escolas públicas municipais. Educação, 44(3), e31728. https://doi.org/10.15448/1981-2582.2021.3.31728
Seção
Outros Temas