Motivação: uma alternativa para a educação do Século XXI

Rafael Laguna Zambelli

Resumo


Apesar de reconhecida no século XVIII como sendo pública, gratuita e obrigatória, a educação sofre de sérias crises ainda nos dias de hoje. Por diversos motivos, não apenas alunos, mas professores sentem-se desmotivados a irem para as instituições de ensino para cumprirem sua nobre missão de ensinar e educar. Apenas o conteúdo de qualidade não basta para superar este cenário. A motivação do professor surge como ferramenta fundamental para que se viabilize uma melhora na educação de maneira geral. A postura ativa do aluno para aprender é fundamental para o aprendizado de qualidade e para que ela possa estar presente é preciso que o professor auxilie neste processo. A motivação do professor é o primeiro passo para que este objetivo seja atingido. Ela possibilitará que maneiras eficientes de motivar os alunos, de forma intrínseca ou extrinsecamente, sejam encontradas, fazendo com que o aprendizado seja muito mais eficiente.

Texto completo:

PDF


>

e-ISSN: 2179-8435

*********************************

Avaliação do Qualis CAPES - 2016

ÁREA CAPES - Educação

CLASSIFICAÇÃO - B2

ÁREA CAPES – Ensino

CLASSIFICAÇÃO – B1


Indexado em:
 

REDIB 

 *********************************

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons

Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS