Principezinho ou pequeno príncipe? Uma interface linguístico-cultural sob a perspectiva funcionalista

Bianca Cristina Buse, Michelle de Abreu Aio

Resumo


Resumo:À luz da teoria funcionalista de Christiane Nord (1991), este artigo visa analisar os marcadores culturais linguísticos nas traduções de Le petit prince (1946) para o português brasileiro, intitulada O pequeno príncipe (2003), e para o português europeu, intitulada O principezinho (2008). Considerando-se que a tradução é uma situação comunicativa em que estão envolvidos dois contextos culturais – do texto-fonte e do receptor – o resultado deve ser um texto funcional para seu contexto de recepção e adequado aos propósitos da tarefa de tradução. Palavras-chave: Tradução; cultura; funcionalismo.

Palavras-chave


Tradução; cultura; funcionalismo.

Texto completo:

PDF


e-ISSN: 1984-4301 

 

Avaliação do Qualis CAPES - 2013/2016

ÁREA CAPES - Linguística / Literatura

CLASSIFICAÇÃO DE PERIÓDICO - B1



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS