Armas, letras e virtudes: A representação da mulher em “Brasileiras célebres”, de Joaquim Norberto

Marcela Wanglon

Resumo


Brasileiras célebres, de Joaquim Norberto, inscreve-se como obra intervalar de nossa historiografia, na medida em que se firma como espaço pioneiro de representação feminina, ao dar visibilidade às vidas e às obras de mulheres notórias, ao mesmo tempo em que ratifica valores e práticas vigentes na sociedade patriarcal oitocentista. Analisar e discutir as práticas textuais utilizadas pelo historiógrafo e o lugar que sua obra ocupa no âmbito da tradição historiográfica brasileira são os objetivos primordiais do ensaio ora apresentado.

Palavras-chave


Mulher, História, Nacionalidade e Representação

Texto completo:

PDF


e-ISSN: 1984-4301 

 

Avaliação do Qualis CAPES - 2013/2016

ÁREA CAPES - Linguística / Literatura

CLASSIFICAÇÃO DE PERIÓDICO - B1



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS