Ridendo Castigat Mores: o combate às “pulgas parnásicas” nas páginas da Semana Ilustrada

Adriana Dusilek

Resumo


Dentro da crítica literária que há nas crônicas da Semana Ilustrada (1861-1876), proponho identificar aquilo que caracterizaria os chamados “maus poetas”. Esses “poetas rimadores”, “poetas sem alaúde”, “poetas inválidos”, “poetas de pé quebrado”, eram constantemente alvo dos cronistas para ridicularização. Fosse com sutil ironia ou com ostensiva demonstração, os cronistas que apontavam as “aberrações poéticas” tinham o objetivo de corrigir através do riso, já que a divisa da revista Semana Ilustrada era justamente o dito latino: “Ridendo castigat mores”. Como, além da crítica às avessas, havia a chamada “crítica séria”, o que diferenciava uma da outra era que naquela se encontrava um tom exagerado, além dos excertos transcritos que desmentiam o louvor ao poeta examinado. Em um dos textos o cronista chamará de “pulga parnásica” à mania que muitos tinham de escrever em versos, mesmo sem habilidade e conhecimento. Reunindo, portanto, os traços desses escritores sem talento, não apenas será possível distinguir os aspectos que deveriam ser evitados na poesia das décadas de 60 e 70 do século XIX, segundo os cronistas da Semana Ilustrada, como também verificar que os elementos comentados ainda são atuais, por serem condições sine qua non para quaisquer candidatos a escritores.


Palavras-chave


Semana Ilustrada; Crítica às avessas; Crônicas.

Texto completo:

PDF

Referências


AGNUS POPULI.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n.400, p.3198, ago.1868.

AGNUS POPULI.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 434, p.3466, abr.1869.

AZEVEDO, Sílvia Maria. Brasil em Imagens: um estudo da revista

Ilustração Brasileira (1876-1878). São Paulo: Editora Unesp, 2010.

________________; CALLIPO, Daniela M. e DUSILEK, Adriana (orgs). Machado de Assis: crítica literária e textos diversos. São Paulo: Ed. Unesp, 2013.

Diário do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro. Número 84, p. 1, mar. 1869.

DR. SEMANA.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n.387, p.3091, mai. 1868.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 391, p.3122, jun.1868.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 399, p.3186, ago.1869.

___________. Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 428, p. 3418, fev. 1869.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 429, p.3427, fev. 1869.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n.431, p. 3443, mar. 1869.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 499, p.3987, jul. 1870.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 554, p.4426, jul. 1871.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 554, p.4427, jul. 1871.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 587, p.4690, fev. 1872.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n.623, p.4979, nov. 1872.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 643, p.5139, abr.1873.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 651, p.5203, jun.1873.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 651, p.5206, jun.1873.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 668, p.5338, set.1873.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 672, p.5370, out.1873.

___________.Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 794, p.6346, fev. 1876.

GIL. Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 456, p. 3646, set. 1869.

___. Semana Ilustrada, Rio de Janeiro, n. 456, p. 3647, set. 1869.

MAGALHÃES JUNIOR, Raimundo. Vida e Obra de Machado de Assis. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira; Brasília: INL, 1981. Vol. 2.

Semana Ilustrada. Rio de Janeiro, n. 1, p.2-3, s/d.

______________. Rio de Janeiro, n.5, p. 35, s/d.

______________. Rio de Janeiro, n.376, p.3005, fev. 1868.

______________.Rio de Janeiro, n. 712, p.5695, ago.1874.

TÚNEL. Semana Ilustrada. Rio de Janeiro, n.263, p.2101, dez.1865.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1984-4301.2015.2.20407

e-ISSN: 1984-4301 

 

Avaliação do Qualis CAPES - 2013/2016

ÁREA CAPES - Linguística / Literatura

CLASSIFICAÇÃO DE PERIÓDICO - B1



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS