A produção oral das oclusivas de falantes bilíngues hunsriqueano-português na leitura do português

Sabrina Gewehr-Borella

Resumo


O presente trabalho analisa as transferências fonético-fonológicas do hunsriqueano para o português, no que diz respeito à sonoridade das oclusivas. Para tanto, são analisados excertos de leituras em português da ‘Parábola do Filho Pródigo’, retirados do banco de dados do Projeto Alma-H (Atlas Linguístico-Contatual das Minorias Alemãs na Bacia do Prata: Hunsrückisch), produzidos por informantes de 6 pontos de pesquisa, divididos em dois grupos sociais (classe baixa e classe alta) e  duas faixas etárias (geração I e II). Objetiva-se a partir de tais dados: a) investigar a incidência da ocorrência de transferências em cada uma das oclusivas; b) comparar as transferências interlinguísticas encontradas com as regras de vozeamento do hunsriqueano, descritas por Altenhofen (1996), com relação à tonicidade das sílabas e, finalmente, c) verificar de que modo as diferentes dimensões (diatópica, diastrática, diageracional) sugeridas pelo modelo teórico da dialetologia pluridimensional (THUN, 1998, 2010) atuam na variação de sonoridade encontrada nos dados analisados. Os resultados apresentados permitem um melhor entendimento dos processos de transferência interlinguística entre o hunsriqueano e o português, o que contribui para a descrição da variedade do português falada nas regiões pesquisadas.

Palavras-chave


Bilinguismo hunsriqueano-português; Transferência fonético-fonológica; Leitura.

Texto completo:

PDF

Referências


ALTENHOFEN, Cléo Vilson. Hunsrückisch in Rio Grande do Sul: Ein Beitrag zur Beschreibung einer deutschbrasilianischen Dialektvarietät im Kontakt mit dem Portugiesischen. Stuttgart: Franz Steiner Verlag, 1996.

_______. Interfaces entre dialetologia e história. In: MOTA, Jacyra; CARDOSO, Suzana Alice Marcelino (Org.). Documentos 2: Projeto Atlas Lingüístico do Brasil. Salvador: Quarteto, 2006. p. 159-185.

_______. Migrações e contatos linguísticos na perspectiva da geolinguística pluridimensional e contatual. Revista de Letras Norte@mentos, v. 6, p. 19-43, 2013.

ALTENHOFEN, Cléo Vilson. et al. Fundamentos para uma escrita do Hunsrückisch falado no sul do Brasil. In: DREHER, Martin; KUNZ, Jaqueline Anschau.; MUGGE, Miquéias Henrique (Org.). Imigração e relações interétcnicas. XVII SIMPÓSIO DE HISTÓRIA DA IMIGRAÇÃO E COLONIZAÇÃO. 2006. São Leopoldo: Oikos, 2008, p. 1199-1216. 1 CD

ROM.

BRAUN, Angelika. Zur regionalen Distribution von VOT in Deutschen. In: _____. (Hg.). Untersuchungen zu Stimme und Sprache: Papers on Speech and Voice, Germany, 1996, p. 19-32.

COHEN, Gustavo Vargas. The VOT Dimension: a bi-directional experiment with English and Brasilian-Portuguese stops. 2004. 70 f. Dissertação (Mestrado em Letras/Inglês e Literatura correspondente) – Faculdade de Letras. Universidade Federal de Santa Catarina: Florianópolis, 2004.

GEWEHR-BORELLA, Sabrina. A influência da fala bilíngue Hunsrückisch- Português brasileiro na escrita de crianças brasileiras em séries iniciais. 2010. 205 f. Dissertação (Mestrado em Letras/Linguística Aplicada)- Pós-Graduação em Letras. Universidade Católica de Pelotas, Pelotas, 2010.

GEWEHR-BORELLA, Sabrina; ALTENHOFEN, Cléo Vilson. Macroanálise pluridimensional da variação de consoantes oclusivas do português por falantes de hunsriqueano. In: IV SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE FONOLOGIA, 2012, Porto Alegre, Anais... Porto Alegre, RS: Upplay, 2012. 1 CD ROM.

JESSEN, Michael; RINGEN, Catherine. Laryngel features in German Phonology. Phonology. n. 19, p. 189-218, 2002.

LARA, Claudia Camila. Variação fonológica, redes e práticas sociais numa comunidade bilíngue português-alemão do Brasil meridional. 2013. 105 f. Dissertação (Mestrado em Letras/Fonologia e morfologia) - Pós-Graduação em Letras. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2013.

LISKER, Leigh; ABRAMSON, Arthur. A Cross-Language Study of Voicing in Initial Stops: Acoustical Measurements, Word, 20, 1964, p. 384-422.

MATHEWS, Peter. The Concise Oxford Dictionary of Linguistics. United States: Oxford University Press, 1997.

REIS, Mara; NOBRE-OLIVEIRA, Denize (2008) Effects of perceptual training on the identification and production of English voiceless plosives aspiration by Brazilian EFL learners. In: RAUBER, Andréia Schurt; BAPTISTA, Barbara. Oughton; WATKINS, Michael Alan (Ed.). New Sounds 2008: PRECEEDINGS OF THE FIFTH INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON THE ACQUISITION OF SECOND LANGUAGE SPEECH. 2008. Anais… Florianópolis, SC: UFSC, 2008. p. 398-407.

THUN, Harald. Movilidad demográfica y dimensión topodinámica. Los montevideanos en Rivera. In: RADTKE, Edgar; THUN, Harald (Org.). Neue Wege der romanischen Geolinguistik: Akten des Symposiums zur empirischen Dialektologie. Kiel : WestenseeVerl., 1996. p. 210-269.

_____ . La geolingüística como linguística variacional general (com ejemplos del Atlas lingüístico Diatópico y Diastrático del Uruguay. In: INTERNATIONAL CONGRESS OF ROMANCE LINGUISTICS AND PHILOLOGY (21. : 1995 : Palermo). Atti del XXI Congresso Internazionale di Linguistica e Filologia Romanza. Org. Giovanni Ruffino. Tübingen: Niemeyer, 1998. v. 5, p. 701-729, incluindo resumo dos tópicos principais da seção 5, p. 787-789.

_____ . Pluridimensional cartography. In: LAMELI, Alfred; KEHREIN, Roland; RABANUS, Stefan (Eds.). Language mapping. Berlin: de Gruyter Mouton, 2010. p. 506-523.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1984-4301.2014.2.17848

e-ISSN: 1984-4301 

 

Avaliação do Qualis CAPES - 2013/2016

ÁREA CAPES - Linguística / Literatura

CLASSIFICAÇÃO DE PERIÓDICO - B1



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS