Estratégias coligacionistas dos partidos de esquerda no Brasil: Uma análise das eleições para governadores (1986-2010)

Silvana Krause, Pedro Paulo Alves Godoi

Resumo


As eleições para governadores oferecem um momento privilegiado para observar não somente as estratégias dos partidos frente ao desafio de compor forças eleitorais, como também permitem delinear o comportamento e as opções do eleitorado. O trabalho tem como objetivo, em um primeiro momento, traçar um perfil das estratégias coligacionistas dos partidos de esquerda: PT, PDT, PSB, PC do B, PCB, PPS, PS, PV, PSTU, PSOL, PCO, PMN, PHS, PH1 que participaram nas eleições para governadores dos Estados (1986-2010). Em um segundo momento, pretende-se avaliar o impacto da variável “consistência ideológica” das coligações sobre a performance eleitoral.

Palavras-chave


Partidos de esquerda; coligações; estratégias eleitorais

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1984-7289.2012.2.11929

Direitos autorais 2016 Civitas - Revista de Ciências Sociais

ISSN-L: 1519-6089  -  e-ISSN: 1984-7289

Civitas - Revista de Ciências Sociais

....................................................................................................................................................................................................

Este periódico é membro do Cope (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org


Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas editoriales de revistas científicas brasileñas. Disponibilidad de depósito: Azul .

Copyright: © 2006-2020 Edipucrs