A construção social do presente: ética, estética e política

  • Juliane Tagliari Farina UFGRS - ESADE
  • Luciana Rodriguez Barone
  • Tania Mara Galli Fonseca UFRGS
  • Vilene Moehlecke UFGRS - UNISINOS
Palavras-chave: Foucault, tempo, subjetividade, sujeito ético-político.

Resumo

O presente texto busca inspiração na obra de Michel Foucault, para revirar o presente que habitamos, colocando em questão os modos de produção de subjetividade majoritários. A analítica do presente se coloca como estratégia para escapar das formas já estabelecidas e produzir uma conexão com as forças do Fora*, abrindo novas possibilidades de criação e expressão. Entendendo-se criação como a expressão de uma existência mais livre e conectada com o outro, em um exercício de construção estética da existência atravessado pela ética do cuidado de si. Assim, a problematização do presente é também uma discussão sobre a construção social do sujeito e dos modos de existência, onde o encontro com o Fora abre a possibilidade de produzirmos territórios de autoria que façam da própria morte do Eu a possibilidade de emergência de um sujeito de ação, ético e político, que se reiventa e se constrói como autor do mundo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juliane Tagliari Farina, UFGRS - ESADE
P
Luciana Rodriguez Barone
Psicóloga. Integrante do Grupo Hospitalar Conceição. Especialista e Mestranda pelo Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social e Institucional (UFGRS).
Tania Mara Galli Fonseca, UFRGS
Psicóloga, Professora dos Programas de Pós-Graduação em Psicologia Social e Institucional e de Informática Educativa (UFRGS).
Vilene Moehlecke, UFGRS - UNISINOS
Psicóloga. Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social e Institucional (UFGRS) e Doutoranda pelo Programas de Pós-Graduação em Informática Educativa (UFRGS). Professora do Curso de Psicologia (UNISINOS).
Como Citar
Farina, J. T., Barone, L. R., Fonseca, T. M. G., & Moehlecke, V. (2011). A construção social do presente: ética, estética e política. Psico, 41(3). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistapsico/article/view/8159