Vivência comunitária católica e crescimento pessoal

  • Henri Karam Amorim PUC-Campinas
  • Mauro Martins Amatuzzi PUC-Campinas
Palavras-chave: Comunidade católica, desenvolvimento pessoal, estudo qualitativo-fenomenológico.

Resumo

A pesquisa objetivou compreender os sentidos da experiência de fé vivida em uma comunidade católica como crescimento pessoal daqueles que dela participam. Em vista disso, foi proposto, em uma paróquia católica, a realização de um grupo de partilha de experiências comunitárias. Foram nove participantes, todos comprometidos com o trabalho voluntário; cinco encontros, com duração média de duas horas cada, numa periodicidade quinzenal. Após cada encontro foram redigidas narrativas registrando os momentos mais significativos do grupo. Deste conjunto de narrativas foi elaborada uma análise qualitativo-fenomenológica, reunindo por eixos de significados tudo o que foi vivido pelos participantes. Concluiu-se que a vivência da fé cristã num contexto comunitário católico é promotora de crescimento pessoal, embora tal crescimento nem sempre esteja garantido pelo simples fato de participar da comunidade, uma vez que ela é também sentida e percebida como um espaço de contradições.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Henri Karam Amorim, PUC-Campinas
Centro de Ciências da Vida Faculdade de Psicologia
Publicado
2011-08-29
Como Citar
Amorim, H. K., & Amatuzzi, M. M. (2011). Vivência comunitária católica e crescimento pessoal. Psico, 42(3). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistapsico/article/view/6524
Seção
Artigos