A Produção Científica em Representações Sociais: Análise de Dissertações e Teses Produzidas em Pernambuco

  • Maria de Fátima de Souza Santos Universidade Federal de Pernambuco
  • Edclécia Reino Carneiro Morais Universidade Federal de Pernambuco
  • Manoel de Lima Acioli Neto Universidade Federal de Pernambuco
Palavras-chave: Teoria das representações sociais, análise de conteúdo, produção científica, Pernambuco.

Resumo

A teoria das representações sociais (TRS) assumiu um importante lugar nas Ciências Humanas e Sociais, sobretudo nos países da América Latina e, mais particularmente no Brasil. Nessa perspectiva, nos parece importante analisar as teses e dissertações defendidas nos últimos dez anos nas áreas de ciências humanas, sociais e saúde que utilizam a TRS. Assim, foi realizada uma pesquisa bibliográfica dessa produção científica nos Programas de Pós-graduação do estado de Pernambuco. Os dados foram analisados utilizando-se a análise de conteúdo. Como resultado, pode-se destacar que no âmbito teórico, as pesquisas se apresentam dependentes de elaborações estrangeiras, principalmente de alguns autores, como Moscovici, Jodelet e Abric. Assim sendo, pode-se observar que a teoria vem ganhando maior destaque dentre a produção do estado de Pernambuco. Contudo, vale salientar que, apesar da produção ter aumentado, não significa que os trabalhos no estado foram caracterizados por um maior desenvolvimento teórico ou metodológico.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Santos, M. de F. de S., Morais, E. R. C., & Neto, M. de L. A. (2012). A Produção Científica em Representações Sociais: Análise de Dissertações e Teses Produzidas em Pernambuco. Psico, 43(2). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistapsico/article/view/11697
Seção
Artigos