[1]
P. Virilio, “Paul Virilio: da política do pior ao melhor das utopias e à globalização do terror”, Rev. Famecos (Online), vol. 8, nº 16, p. 07-18, abr. 2008.