[1]
P. Combessie, “Nos interstícios das sociedades ocidentais em mutação, a que tipo de comunidade a pluriparceria sexual contemporânea diz respeito?”, Rev. Famecos (Online), vol. 22, nº 4, p. 207-222, set. 2015.