Segunda tela e a reconfiguração das práticas comunicacionais no processo de fruição de televisão

2016-08-01

 O desenvolvimento de dispositivos móveis de acesso à internet, aliado a uma cultura de convergência de meios de comunicação, estabelece as bases para a introdução da segunda tela no processo de fruição de conteúdos televisivos. O artigo das pesquisadoras Ana Sílvia Lopes Davi Médola e Elissa Schpallir Silva (UNESP) trabalha com a hipótese de que o uso da segunda tela pelos telespectadores é um recurso emergente que reconfigura práticas de consumo de televisão já consolidadas no tocante às formas de interação, socialização e a busca por conteúdos complementares. Abordam-se esses três elementos e as diferentes maneiras como eles se manifestam em relação à televisão, confirmando que essa nova práxis não traz apenas inovações, mas se estabelece sobre práticas culturais antigas. Leia o texto completo no link abaixo.

http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistafamecos/article/view/19107/13116