As invasões de César à Bretanha repercutem no Senado Romano: uma análise das cartas de Cícero (Q FR II, 15; Q FR III, 1; FAM. VII, 5; FAM. VII, 7)

  • Helena Schütz Leite Fundação Universidade Regional de Blumenau
  • Dominique Vieira Coelho dos Santos Fundação Universidade Regional de Blumenau
Palavras-chave: César, Senado Romano, Cartas de Cícero.

Resumo

A narrativa central das invasões dos romanos à Bretanha, que aconteceram entre os anos 55 e 54 a.C, pode ser encontrado na obra De Bello Gallico, escrita pelo próprio general que conduziu a expedição, Cáio Júlio César. Provavelmente, esta obra teve como função fazer com que as notícias concernentes a estes feitos chegassem ao Senado romano. Uma vez tendo cumprido esta função, algumas personagens importantes na política romana debateram a questão ou se posicionaram sobre a mesma, dentre elas Cícero. O principal objetivo deste artigo é tentar perceber um pouco desta repercussão das incursões de César à Bretanha a partir de algumas cartas escritas e enviadas por Marco Túlio Cícero, principal adversário de César. As quatro cartas que serão analisadas aqui foram escolhidas, dentro de um grande número existente, devido principalmente a nossa delimitação temporal, as invasões da Bretanha. Sendo assim, estas epístolas possuem informações significativamente mais relevantes sobre nosso objeto de estudo, porém, o auxilio de outras cartas fez-se também necessário para demonstrar diferentes aspectos da relação de César e Cícero.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

A) Fontes Utilizadas

CÍCERO, M. T. The Letters of Cicero, Volume 1 The Whole Extant Correspodence in Chronological Order. Trad. Evelyn S. Shuckburgh. April, 2007.

______. Epistulae ad Quintum Fratem. In. SHUCKBURGH, E. S. Letters of Cicero, Volume 1 The Whole Extant Correspodence in Chronological Order. April, 2007.

______. Epistulae ad Atticum. In. SHUCKBURGH, E. S. Letters of Cicero, Volume 1 The Whole Extant Correspodence in Chronological Order. April, 2007.

______. Epistulae ad Familiares. In. SHUCKBURGH, E. S. Letters of Cicero, Volume 1 The Whole Extant Correspodence in Chronological Order. April, 2007.

APPIAN, Roman History, Trans. Horace White. Londres, Harvard University Press, 1958 (The Loeb Classical Library).

CASSIUS DIO, Roman History. English translation by Earnest Cary. London: William Heinemann,1961. v.9 ( The Loeb Classical Library ).

PLUTARCO, Vidas Paralelas: Vida de César. Trad. CHAVES, Carlos. São Paulo: Editora Edameris, 2008.

SALÚSTIO, Obra Completa, trad. e introd. Agostinho da Silva. Lisboa: Livros Horizonte, 1974.

SUETÔNIO, A Vida dos Doze Césares. São Paulo: Martin Claret, 2006.

B) Obras gerais

ALFÖDY, Géza. História Social de Roma. Lisboa: Presença, 1989.

BOURDIEU, Pierre. A Ilusão Biográfica. In. AMADO, Janaína; FERREIRA, Marieta de Moraes (Orgs.). Usos e abusos da história oral. Rio de Janeiro: FGV, 1996. p. 183-191.

CARDOSO, Ciro Flamarion. História e poder: uma nova história política? In. CARDOSO, Ciro Flamarion; VAINFAS, Ronaldo (Orgs.). Novos Domínios da História. Rio de Janeiro: Elsevier, 2012. p. 37-54.

DA ROSA, Claudia Beltrão. Campos de Batalha, Espaços de Guerra: Os Commentarii de Bello Gallico de Caio Júlio César. Brathair: Edição Especial 1, 2007. p. 38-45.

______. Retórica e Ação Política: A Complexio no Pro Roscio Amerino de Marco Túlio Cícero. Tempo, Rio de Janeiro, nº 18, p. 125-145.

______. De haruspicum responso: religião e política em Cícero. Mirabilia, 03, Dec, 2003.

______. Prudentia e Prudens em Cícero: Religião, Jurisprudência e os Poderes do Magistrado. R. EMERJ, Rio de Janeiro, v. 17, n. 64, p. 49 - 66, Jan. - abr. 2014.

DEISSMANN, Adolf. Apud: SOARES, Carolline da Silva. Gênero Epistolar na Antiguidade: a Importância das Cartas de Cipriano para a História do Cristianismo Norte Africano (século iii d.c.). Revista História e Cultura, Franca-SP, v.2, n.3 (Especial), p.199-215, 2013.

DRUCKENMILLER, Jenny D. Cicero's Letters and Roman Epistolary Etiquette. University of Oregon: 2007

GUARINELLO, Norberto. Prefácio. In. CÂNFORA, Luciano. Júlio César: o ditador democrático. São Paulo: Estação Liberdade. 2002. p. 14.

GONÇALVES, A. T. M. Diversidade Étnica no Império Romano: O Caso dos Bretões. Revista Phoînix. Rio de Janeiro, v. 8, p. 15-23, 2002.

______. DI MESQUITA, Fabrício Dias Gusmão. Atividade Epistolar no Mundo Antigo: Relendo as Cartas Consolatórias de Sêneca. Hist. R., Goiânia, v. 15, n. 1, p. 31-53, jan./jun. 2010

NICE, Alex. C. Trebatius Testa and the British Charioteers: The Relationship of Cic. Ad Fam. 7.10.2 To Caes. BG 4.25 And 33. ACTA CLASSICA XLVI (2003) 71-96.

PARISON, Adam L. Cicero and Caesar: A Turbulent Amicitia. East Carolina University: June, 2014.

RANKE, Leopold Von. Geschichte der romanischen und germanischen Völker von 1494 bis 1535. Leipzig: 1885.

SCHMIDT, Benito Bisso. Biografia e regimes de historicidade. Revista MÉTIS: história & cultura – v. 2, n. 3, jan./jun. 2003, p.61.

SOARES, Carolline da Silva. O Gênero Epistolar na Antiguidade: a Importância das Cartas de Cipriano para a História do Cristianismo Norte Africano (século iii d.c.). Revista História e Cultura, Franca-SP, v.2, n.3 (Especial), p.199-215, 2013.

VÁRZEAS, Marta. Introdução In. Plutarco, Vidas Paralelas - Demóstenes e Cícero. Tradução do grego, introdução e notas: Marta Várzeas. Coimbra: Centro de Estudos Clássicos e Humanísticos. Edição: 1ª/2010, p. 82.

WHITE, Peter. Cicero in Letters: Epistolary Relations of the Late Republic. Oxford University Press, 2010.

Publicado
2016-06-29
Como Citar
Schütz Leite, H., & Vieira Coelho dos Santos, D. (2016). As invasões de César à Bretanha repercutem no Senado Romano: uma análise das cartas de Cícero (Q FR II, 15; Q FR III, 1; FAM. VII, 5; FAM. VII, 7). Oficina Do Historiador, 9(1), 325-340. https://doi.org/10.15448/2178-3748.2016.1.20311