FERRARI, CALEGARI e MANCUSO: LENTES ITALIANAS SOBRE O RIO GRANDE DO SUL

  • Leonardo Oliveira Conedera PUCRS
Palavras-chave: Imigração italiana. Imigração qualificada. Fotógrafos italianos. Rio Grande do Sul.|

Resumo

O presente artigo pretende analisar a contribuição de profissionais italianos que emigraram para o Brasil através do estudo de caso de fotógrafos peninsulares que se radicaram no Rio Grande do Sul entre a segunda metade do século XIX e o início do século XX. Visa-se apresentar as trajetórias profissionais de Rafael Ferrari, Virgilio Calegari e Domenico Mancuso, cujas atuações foram importantes para o desenvolvimento da fotografia no Estado. Além disso, salienta-se a questão da imigração qualificada e do papel desempenhado por imigrantes no meio urbano brasileiro. Vale lembrar que pesquisas recentes (publicadas na Itália e no Brasil) destacam a atuação de imigrantes italianos qualificados, como arquitetos, artesãos, médicos, artistas, que contribuíram, substancialmente, nas cidades onde se inseriram.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2014-10-19
Como Citar
Conedera, L. O. (2014). FERRARI, CALEGARI e MANCUSO: LENTES ITALIANAS SOBRE O RIO GRANDE DO SUL. Oficina Do Historiador, 773-786. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/oficinadohistoriador/article/view/19086