DO XÁ AO AIATOLÁ: A REVOLUÇÃO IRANIANA ATRAVÉS DE VEJA (1978-1979).

  • David Anderson Zanoni UPF
Palavras-chave: História e imprensa. Revista Veja. Revolução iraniana.

Resumo

Ao longo da década de 1970, o Irã passava por um momento de instabilidade política e social, o qual, no final dessa década, culminou em um levante popular que decretaria o fim de uma monarquia autocrática e ditatorial do xá Mohammed Reza Pahlavi. Desta forma, iniciava-se no Irã a República Teocrática Islâmica, liderada pelo aiatolá Ruhlloh Khomeini. O processo de queda da monarquia e promulgação de uma República Teocrática Islâmica, o qual, a historiografia denominou Revolução Iraniana, foi mundialmente explorado pelos meios de comunicação de massa, inclusive no Brasil. A partir disto, procuramos analisar como o periódico brasileiro semanal Veja abordou o processo iraniano, a partir de algumas edições que, inclusive, foram capa do semanário. Sendo assim, nossa proposta contempla o estudo da história através da imprensa. Assim, objetivamos analisar a história por meio da imprensa, problematizando os eventos a luz do conteúdo noticiado pelo semanário Veja.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2014-10-17
Como Citar
Zanoni, D. A. (2014). DO XÁ AO AIATOLÁ: A REVOLUÇÃO IRANIANA ATRAVÉS DE VEJA (1978-1979). Oficina Do Historiador, 89-108. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/oficinadohistoriador/article/view/18954