Precedência malograda: A Rosa Brasileira, o primeiro jornal literário do Rio Grande do Sul?

  • Mauro Nicola Póvoas Fundação Universidade Federal do Rio Grande
Palavras-chave: A Rosa Brasileira, Periódicos literários, Literatura Sul-Rio-Grandense

Resumo

O texto aborda a curiosa história de A Rosa Brasileira, que poderia ser considerado o pioneiro periódico literário do Rio Grande do Sul, caso não tivesse sido acusado de plágio ao longo de sua trajetória de apenas três números. O pequeno jornal foi editado na cidade de Rio Grande (RS), em 1851, cinco anos antes, portanto, do semanário O Guaíba (1856-1858), de Porto Alegre, apontando pela crítica como o primeiro periódico sul-rio-grandense dedicado às letras. Empreendimento dirigido por Cândido Augusto de Melo, A Rosa Brasileira circulou nos dias 1º de março, sábado (n. 1); 30 de março, domingo (n. 2); e 13 de abril, domingo (n. 3), trazendo em suas páginas poemas, artigos, crônicas e anedotas.

************************************************************************************************************************************************************************************************************

Unsuccessful precedence: A Rosa Brasileira, the first literary journal of Rio Grande do Sul?

Abstract: The text covers the curious story of A Rosa Brasileira, which could be considered the pioneer literary periodical of Rio Grande do Sul, had it not been accused of plagiarism over its career of only three numbers. The small journal was published in the city of Rio Grande (RS), in 1851, five years before, therefore, of the weekly publication O Guaíba (1856-1858), from Porto Alegre, pointed by critics as the first journal dedicated to literary writing in the state. Directed by Cândido Augusto de Melo, A Rosa Brasileira circulated on March 1st, Saturday (n. 1); March 30th, Sunday (n. 2); and April 13th, Sunday (n. 3), bringing poems, articles, essays and anecdotes in its pages.

Keywords: A Rosa Brasileira; Literary magazines; Literature of Rio Grande do Sul

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

A Imprensa. Rio Grande, 30 abr. 1851-19 out. 1851.

A Rosa Brasileira. Rio Grande, 1º mar. 1851-13 abr. 1851.

BANDEIRA, Gisele Pereira. O comércio rio-grandino de livros em 1855. In: PÓVOAS, Mauro Nicola; VAZ, Artur Emilio Alarcon (Org.). Anais do 3º Encontro Nacional de Pesquisadores em Periódicos Literários Brasileiros. Rio Grande: FURG, 2010, p. 264-271. CD-ROM.

CESAR, Guilhermino. História da literatura do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Globo, 1971.

Diário de Rio Grande – Folha comercial e política. Rio Grande, 8 mar. 1851; 9-10 mar. 1851.

FERREIRA, Athos Damasceno. Imprensa literária de Porto Alegre no século XIX. Porto Alegre: Ed. da UFRGS, 1975.

MARTINS, Ari. Escritores do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Ed. da UFRGS/IEL, 1978.

O Artilheiro – Folha política e miscelânica. Rio Grande, 7 abr. 1849-27 jun. 1849.

O Pelotense. Pelotas, 7 nov. 1851-31 dez. 1851.

VALENTE, Joana Mieres. O homem, a humanidade e o amor n’A Rosa Brasileira (1851). In: PÓVOAS, Mauro Nicola; VAZ, Artur Emilio Alarcon (Org.). Anais do 3º Encontro Nacional de Pesquisadores em Periódicos Literários Brasileiros. Rio Grande: FURG, 2010. p. 323-335. CD-ROM.

Publicado
2015-10-06
Como Citar
Póvoas, M. N. (2015). Precedência malograda: A Rosa Brasileira, o primeiro jornal literário do Rio Grande do Sul?. Navegações, 8(1), 75-81. https://doi.org/10.15448/1983-4276.2015.1.22063
Seção
Ensaios