[1]
E. V. de Medeiros, “Thoreau e Carlyle: moralidade, autobiografia e ficção literária”, Intuitio, vol. 9, nº 1, p. 05-14, ago. 2016.