[1]
U. Trindade, “Uma teoria da justiça de John Rawls e seus críticos”, Intuitio, vol. 8, nº 2, p. 66-75, dez. 2015.