NIETZSCHE E A CONSTRUÇÃO DE UM NOVO PARADIGMA DA SUBJETIVIDADE HUMANA ENTRE CIVILIZAÇÃO E CULTURA

  • Vagner Silva (UNICAMP) Unicamp

Resumo

O trabalho oferecerá uma resposta para o problema da constituição da subjetividade humana no duplo registro tipológico dos homens superiores e inferiores ao mesmo tempo que mostrará como esta subjetividade tipológica é afetada pela cultura e civilização, que para Nietzsche eram distintas e tinham objetivos distintos. Isso será feito a partir da análise do conceito de pulsão (Treibe) apresentado por Nietzsche e de uma inversão na lógica interpretativa do conceito de vontade de poder, tomando esta como conseqüência das pulsões e não o contrário. O percurso do trabalho focará duas figuras fundamentais para a construção da tipologia dos superiores: Goethe e Napoleão. A análise destas figuras oferecerá uma percepção mais vasta da tipologia nietzscheana, mostrando a variação dos tipos e também seus graus. Por fim, se responderá às perguntas: quem é o homem superior de Nietzsche? Quem é o homem da cultura? PALAVRAS-CHAVE: Subjetividade. Pulsão. Cultura. Civilização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vagner Silva (UNICAMP), Unicamp
Mestre em Filosofia Social, doutorando em Filosofia da Educação. Especialista em filosofia alemã, especialmente o pensamento de Nietzsche.
Publicado
2009-12-04
Como Citar
Silva (UNICAMP), V. (2009). NIETZSCHE E A CONSTRUÇÃO DE UM NOVO PARADIGMA DA SUBJETIVIDADE HUMANA ENTRE CIVILIZAÇÃO E CULTURA. Intuitio, 2(3), 347-363. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/intuitio/article/view/6002
Seção
Artigos