A REDUÇÃO FENOMENOLÓGICA E SUA SIGNIFICAÇÃO FUNDAMENTAL NAS IDÉIAS I

  • Jean Leison Simão (UFSM) UFSM

Resumo

O objetivo específico do presente trabalho é ponderar acerca da redução fenomenológica. Primeiramente, a partir da diferença essencial da “abstração” fenomenológica em relação a mera abstração das ciências de fato; e posteriormente com a ampliação do tirar-de-circuito primordial o mundo e as ciências referentes a ele. Com isso poderemos nos livrar daquela constante tentação de estabelecer uma metabasis errônea.Os elementos para a reconstrução da argumentação husserliana estão presentes na segunda seção das Idéias I (A consideração fenomenológica fundamental); especificamente, o resumo das considerações radicais presente parágrafo §51 do terceiro capítulo, e sua relação com as ponderações presentes no quarto capítulo (As reduções fenomenológicas). PALAVRAS-CHAVE: Redução fenomenológica. Abstração. Tirar-de-circuito.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jean Leison Simão (UFSM), UFSM
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FILOSOFIA
Publicado
2009-12-03
Como Citar
Simão (UFSM), J. L. (2009). A REDUÇÃO FENOMENOLÓGICA E SUA SIGNIFICAÇÃO FUNDAMENTAL NAS IDÉIAS I. Intuitio, 2(3), 149-163. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/intuitio/article/view/5997
Seção
Artigos