O centro-sagrado e o periférico-profano na Conquista da América

Palavras-chave: Conquista da América. Sagrado. Profano. Sacrifício

Resumo

O presente trabalho visa oferecer uma análise sobre o processo de Conquista da América, em especial da América Latina, a partir do antagonismo entre os conceitos de sagrado e profano, bem como da oposição entre o centro e a periferia, tomados em correlação com a percepção eurocêntrica sobre o Novo Mundo. A fim de cumprirmos nosso objetivo, nos servirão como base as obras de Fustel de Coulanges, no momento em que analisa a mudança de culto da noiva, no casamento grego antigo, e Mircea Eliade, este desenvolvendo uma abordagem a respeito dos rituais que buscam tornar sagrado o que antes era profano. A América e suas populações, vistas como periféricas e profanas, para que sejam dominadas precisam ser antes sacralizadas, trazidas para o centro. Assim, emerge a ideia de sacrifício, o “tornar sagrado”, aqui tomado não apenas no sentido de um ato físico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

COULANGES, F. de. A Cidade Antiga. Trad. De Jonas Camargo Leite e Eduardo Fonseca. Rio de Janeiro: Ediouro, 2004.

ELIADE, M. O mito do Eterno Retorno. Lisboa: Edições 70, 1969.

GIMENES, R. A. O. ; RAGO, M.. Narrar o passado, repensar a História. Campinas, SP: Ed. UNICAMP, 2000.

HÖFFNER, J.. Colonização e evangelização: ética da colonização espanhola no Século de Ouro. Rio de Janeiro: Presença, 1977.

LAS CASAS, B. O paraíso destruído: brevíssima relação da destruição das Índias. Tradução de Heraldo Barbuy. Porto Alegre: L&PM, 2001.

PESAVENTO, S. J.. Cidades visíveis, cidades sensíveis, cidades imaginárias. Rev. Bras. Hist. vol.27 no.53 São Paulo Jan./Jun. 2007

.

ROSENDAHL, Z.. “História, teoria e método em Geografia da Religião”. In: Espaço e Cultura. Uerj, RJ, n. 31, p.24-39, Jan./Jun. de 2012.

SILVA, A. C. A. “Algumas considerações acerca dos sacrifícios no império romano, século I a.C”. In: MOURA, F. N. de, (Org.) O poder imaginário: diálogos com a antiguidade, o medievo e outras temporalidades. Imperatriz: Ethos, 2016.

WASSERMAN, C.; GUAZZELLI, C. A. B.. História da América Latina: do descobrimento a 1900. Porto Alegre: Ed. da UFRGS, 1996.

Publicado
2019-12-18
Como Citar
Oliveira Ribeiro, M. (2019). O centro-sagrado e o periférico-profano na Conquista da América. Intuitio, 12(2), e34349. https://doi.org/10.15448/1983-4012.2019.2.34349