Dialética e o jogo dos contrários

  • Michele Borges Heldt (PUCRS) PUCRS
Palavras-chave: dialética, contradição, ser-necessário, dever-ser.

Resumo

Na dialética, a contradição mostra-se como sendo de suma importância, na medida em que a mesma é entendida como a força propulsora de todo o movimento dialético, e onde a primeira forma de contingência já se faria presente junto do próprio ser, na medida em que algo, mesmo existente, pode sempre não existir. Entretanto, de acordo com Cirne-Lima, a transformação gradual de contingência em necessidade que ocorre na dialética hegeliana, em sua última consequência, conduziria à eliminação do sujeito concreto e individual. Nesse sentido, o mesmo propõe que a ideia absoluta não seja entendida como um “ser-necessário”, mas sim como um “dever-ser”, que permitiria a possibilidade de que as coisas que são determinadas de um modo, sob certas circunstâncias, pudessem ser de outra maneira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Michele Borges Heldt (PUCRS), PUCRS
Mestranda em filosofia PUCRS

Referências

CIRNE-LIMA, Carlos. Depois de Hegel. Caxias do Sul: Editora Educs, 2006.

CIRNE-LIMA, Carlos. Sobre a Contradição. Porto Alegre: Edipucrs, 2ª edição, 1996.

FILHO, E. S. Introdução ao pensamento dialético. 2ed. São Paulo: Alfa - Ômega, 1991.

HEGEL, GWF. Fenomenologia do Espírito. Rio de Janeiro: Editora Zahar, 2007.

KANT, Immanuel. Crítica da Razão Pura. (Trad :Manuela P. dos Santos, Alexandre F. Morujão) Lisboa: Fundação Caloute Gulbenkian, 2001.

LUFT, Eduardo. As sementes da dúvida. São Paulo: Editora Mandarim, 2001.

LUFT, Eduardo. Para uma crítica interna ao sistema de Hegel. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1995.

MENESES, Paulo. Abordagens hegelianas. Rio de Janeiro: Vieira & Lent, 2006.

PLATÃO. A República. (Trad. M. H. R. Pereira.) Lisboa: Calouste Gulbenkian, 1993.

ROSENFIELD, Denis. Política e liberdade em Hegel. 2ªed. São Paulo: Editora Ática S.A., 1995.

SOARES, Marly Carvalho. Sociedade civil e sociedade política em Hegel. Fortaleza: Editora UECE, 2006.

UTZ, Konrad. O Método dialético de Hegel. In: Veritas, Vol: 50, N: 1 p. 165-185, Porto Alegre: PUCRS, 2005.

WEBER, Thadeu. Hegel, liberdade, estado e história. Petrópolis: Vozes, 1993.

Publicado
2014-11-18
Como Citar
Heldt (PUCRS), M. B. (2014). Dialética e o jogo dos contrários. Intuitio, 7(2), 184-196. https://doi.org/10.15448/1983-4012.2014.2.18326
Seção
Artigos