A idéia de ciência na fenomenologia de Husserl a partir da sexta Investigação Lógica

  • Adelar Conceição (UFRGS) UFRGS
Palavras-chave: ciência, fenomenologia, Husserl

Resumo

O tema do presente texto refere-se à idéia de ciência na fenomenologia de Husserl analisada a partir de uma leitura da sexta investigação lógica. Para tanto, parte-se de uma análise da introdução e da parte inicial das Investigações lógicas, dedicada a fundamentação de uma lógica pura enquanto fundamento de uma teoria do conhecimento, da qual Husserl extrai sua crítica ao psicologismo e funda o terreno propriamente fenomenológico como “ciência de essências”. Em seguida tomaremos a “idéia de ciência” expressa em A filosofia como ciência de rigor, na qual Husserl apresenta de maneira definitiva seu ideal de ciência dentro do quadro da fenomenologia clássica. Com base na definição ali apresentada de ciência como “intuição de essência”, retornamos a sexta investigação lógica e procuraremos mostrar como Husserl pretende fundar a idéia de ciência e de conhecimento em geral a partir da noção de “intuição categorial”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adelar Conceição (UFRGS), UFRGS
Mestre em Filosofia e Doutorando em Filosofia pelo Programa de Pós-graduação em Filosofia da UFRGS.
Publicado
2013-06-16
Como Citar
Conceição (UFRGS), A. (2013). A idéia de ciência na fenomenologia de Husserl a partir da sexta Investigação Lógica. Intuitio, 6(1), 229-240. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/intuitio/article/view/13635
Seção
Artigos