Cartão Saúde: gerência de informações emergenciais com o uso de cartões RFID

  • André Koloszuk Rosa
  • Leandro Hagen da Silveira
  • Marcelo de Moraes Leite

Resumo

A tecnologia RFID conquista cada vez mais espaço em diversas áreas no mercado, onde há necessidade de armazenamento, portabilidade e constantes atualizações de dados. Com esta idéia foi criado o Cartão Saúde que tem por objetivo facilitar e garantir a aquisição de informações sobre uma pessoa em atendimentos emergenciais principalmente em casos onde ela se encontra desacordada. A pessoa terá consigo um cartão RFID com informações básicas para um pronto atendimento emergencial, ou seja, uma anamnese onde constarão os principais medicamentos de uso contínuo, hipersensibilidades, antecedentes mórbidos e tipo sanguíneo além de informações pessoais como nome, CPF e telefone emergencial. O projeto conta com a criação de um módulo móvel de consulta ao cartão tornando possível a leitura das informações no próprio local do atendimento. Este módulo foi desenvolvido observando-se a autonomia da bateria e a facilidade de operação pelo usuário. Um módulo com capacidade de gravação de cartões também foi desenvolvido. Este deve trabalhar associado a um computador através da interface serial ou da rede local a fim de atender pacientes nas recepções de clínicas, planos de saúde e hospitais e atualizar ou cadastrar novos clientes. Para gerenciar, enviar e receber os dados deste módulo foi desenvolvido um programa que possibilita utilizar o cartão para acesso a mais informações sobre o histórico hospitalar do cliente, como consultas, planos de saúde e outros dados pessoais, a fim de otimizar o processo de atendimento.
Publicado
2009-03-20
Como Citar
Rosa, A. K., Silveira, L. H. da, & Leite, M. de M. (2009). Cartão Saúde: gerência de informações emergenciais com o uso de cartões RFID. Revista Da Graduação, 2(1). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/graduacao/article/view/5027
Seção
Ciências Exatas