O DIÁLOGO POSSÍVEL ENTRE WATCHMEN, ROMANCE GRÁFICO DE ALAN MOORE E DAVE GIBBONS, E A TEORIA DA LITERATURA

  • Jeferson de Moraes Jacques EDIPUCRS
Palavras-chave: Watchmen, Romance gráfico, Literatura, Alan Moore, Dave Gibbons,

Resumo

Histórias em quadrinhos são um popular meio de entretenimento. Do início do século XX, ocasião do aumento de sua popularidade e circulação, até meados dos anos 70, eram consideradas um produto puramente mercadológico. Porem, autores dispostos a atrair a atenção dos leitores de literatura começaram a publicar narrativas gráficas que possuem características que as aproxima mais de obras literárias do que do formato convencional de quadrinhos: são os chamados romances gráficos. Embora características peculiares dos quadrinhos, tais como a presença da arte gráfica obrigatória em sua construção, os impeça de serem obras literárias, eles apresentam diversos exemplos de publicações que podem ter sua estrutura estudada pela teoria da literatura. O presente trabalho é um estudo da história em quadrinhos de super-heróis Watchmen, de Alan Moore e Dave Gibbons, na perspectiva da teoria do romance, a fim de ampliar o âmbito do estudo da teoria da literatura para os romances gráficos.

Biografia do Autor

Jeferson de Moraes Jacques, EDIPUCRS
Gilbertto Keller
Como Citar
de Moraes Jacques, J. (2012). O DIÁLOGO POSSÍVEL ENTRE WATCHMEN, ROMANCE GRÁFICO DE ALAN MOORE E DAVE GIBBONS, E A TEORIA DA LITERATURA. Revista Da Graduação, 5(2). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/graduacao/article/view/12425
Seção
Faculdade de Letras