Governo local e movimentos sociais por moradia: dilemas da gestão urbana

  • Edmundo Ximenes Rodrigues Neto UFPI
  • Antônia Jesuíta de Lima UFPI
Palavras-chave: Governo municipal. Movimentos sociais. Política urbana. Questão da moradia.

Resumo

O presente artigo explora o padrão de relações estabelecidas entre governo municipal e movimentos sociais por moradia, na década de 1990, em Teresina-PI, sob o contexto de mudanças político-institucionais, em nível federal, e da adoção de um projeto de gestão pública local, inspirado num ideário participativo e democrático. O estudo identificou um padrão de relação caracterizado tanto pelo confronto quanto pelo diálogo e condutas contraditórias na ação do gestor local, que se manifestavam consoante o grau de pressão, de articulação e de organização dos ditos movimentos sociais, e ainda reeditando velhas práticas no tratamento dos conflitos por moradia, apesar do discurso democrático. Os movimentos sociais, nesse processo, assumem uma postura ativa, utilizando-se de antigas e de novas estratégias de pressão e controle na relação como o Estado.

Palavras-chave – Governo municipal. Movimentos sociais. Política urbana. Questão da moradia.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2007-08-22
Como Citar
Neto, E. X. R., & Lima, A. J. de. (2007). Governo local e movimentos sociais por moradia: dilemas da gestão urbana. Textos & Contextos (Porto Alegre), 6(1), 105-125. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fass/article/view/1049
Seção
Transformações Societárias, produção de conhecimento e desafios às Políticas Públicas