1.
Barberena RA. A hipercontemporaneidade ensanguentada em Ana Paula Maia. Let. Hoje (Online) [Internet]. 31º de dezembro de 2016 [citado 9º de agosto de 2020];51(4):458-65. Disponível em: https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fale/article/view/26163