[1]
A. R. M. Miranda e A. P. N. da Cunha, “Indícios de reestruturação do conhecimento fonológico da criança em dados de reparo na escrita inicial”, Let. Hoje (Online), vol. 48, nº 3, p. 343-354, set. 2013.