BARBERENA, R. A. A hipercontemporaneidade ensanguentada em Ana Paula Maia. Letras de Hoje, v. 51, n. 4, p. 458-465, 31 dez. 2016.