As Américas: nascimento e morte das utopias

  • Zilá Bernd UNILASALLE
Palavras-chave: Américas, Americanidade, Imaginário, Transitoriedade

Resumo

Ao refletir sobre as Américas e a americanidade, buscamos destacar o conceito de mobilidade como uma característica dominante das culturas americanas e que se manifesta através de passagens, deslocamentos e transferências. Essa transitoriedade está presente em diferentes níveis, tais como: cultural, discursivo, temporal, espacial e contribui para consolidar e favorecer a percepção dos imaginários e das relações transversais entre as Américas.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Bernd, Z. (2011). As Américas: nascimento e morte das utopias. Letras De Hoje, 45(4). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fale/article/view/8556