[1]
M. dos S. D. Striquer, “O processo de apropriação do gênero textual em sua dupla possibilidade de abordagem escolar”, Educação (Porto Alegre, Online), vol. 39, nº 3, p. 357-362, dez. 2016.