Desafios para a gestão financeira das cooperativas agropecuárias brasileiras

  • Régio Marcio Toesca Gimenes UNIPAR - Universidade Paranaense
  • Fátima Maria Pegorini Gimenes UNIPAR - Universidade Paranaense
Palavras-chave: Cooperativismo agropecuário, Capitalização, Financiamento, Agronegócio cooperativo.

Resumo

Este artigo tem como objetivo identificar os principais desafios que são impostos às sociedades cooperativas agropecuárias, especialmente aqueles vinculados à sua estrutura de financiamento. A metodologia utilizada foi a pesquisa bibliográfica, e o referencial teórico contemplou os seguintes pontos: a importância do cooperativismo para o agronegócio brasileiro; os desafios do cooperativismo agropecuário; o acesso ao crédito; além da competitividade nas sociedades de capital e as dificuldades de capitalização e financiamento das cooperativas agropecuárias. Ao final da pesquisa, percebe-se que os desafios a serem superados estão concentrados nos seguintes pontos: equilíbrio entre os aspectos econômico e social; gestão democrática e morosidade do processo decisório; separação da propriedade e do controle (profissionalização da gestão); oportunismo dos cooperados (fidelização); excessiva dependência de recursos de terceiros; elevados custos de coordenação; transação e falta de uma governança corporativa cooperativa. Palavras-chave: Cooperativismo agropecuário. Capitalização. Financiamento. Agronegócio cooperativo.

Biografia do Autor

Régio Marcio Toesca Gimenes, UNIPAR - Universidade Paranaense
Régio Marcio Toesca Gimenes Pós-Doutorando em Finanças pela FEA/USP Professor Titular de Controladoria e Finanças da Unipar E-mail: [email protected]
Fátima Maria Pegorini Gimenes, UNIPAR - Universidade Paranaense
Fátima Maria Pegorini Gimenes Doutora em Administração de Empresas Professora Titular de Teoria Econômica da Unipar E-mail: [email protected]
Publicado
2008-10-15
Seção
Artigos