[1]
L. G. da C. de Souza, “O reconhecimento e as práticas cotidianas do poder e da autoridade”, Civitas, vol. 15, nº 4, p. 723-727, mar. 2016.