Entre la ayuda y el “desligamiento”: prácticas y regulaciones cotidianas sobre las familias y el cuidado infantil en barrios populares del Gran Buenos Aires – aportes desde la etnografía

  • Laura Santillán Universidad de Buenos Aires
Palavras-chave: Cuidado infantil. Práticas e regulações cotidianas. Desigualdade. Argentina.

Resumo

Neste artigo indagaremos práticas e regulações cotidianas acionadas em iniciativas estatais e comunitárias destinadas a famílias, em bairros populares da Grande Buenos Aires, Argentina. A intenção é documentar particularidades que assumem o gerenciamento e a administração da vida familiar, focalizando intervenções que se realizam nos cenários mais próximos da vida das pessoas. Para tanto, abordaremos as formas de modulação dos comportamentos que se constituem através de relações de proximidade, vizinhança e conhecimento mútuo. A partir do registro etnográfico nos deteremos nas maneiras como as intervenções nas famílias – tramadas principalmente através da afabilidade, do conselho e do ensino – deslocam-se para formas mais intersticiais de interação entre os sujeitos e onde as regulações do estado se apresentam através de rotinas e modalidades pouco convencionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Laura Santillán, Universidad de Buenos Aires
Doctora en Antropología Social, investigadora en el Instituto de Ciencias Antropológicas de la Universidad de Buenos Aires, Argentina, y el Conicet.
Publicado
2014-01-31
Como Citar
Santillán, L. (2014). Entre la ayuda y el “desligamiento”: prácticas y regulaciones cotidianas sobre las familias y el cuidado infantil en barrios populares del Gran Buenos Aires – aportes desde la etnografía. Civitas - Revista De Ciências Sociais, 13(2), 326-345. https://doi.org/10.15448/1984-7289.2013.2.15484