Fotografia e Escrita Criativa

Configurações para um ensaio teórico-prático

Palavras-chave: Escrita Criativa, Fotografia, Cocriação

Resumo

Este trabalho se propõe a engendrar um ensaio teórico-prático no campo de conhecimento da Escrita Criativa. Para tanto, primeiramente, mostra como a Escrita Criativa está se expandindo no meio acadêmico brasileiro. A seguir, debate a abordagem epistemológica condizente com o campo. Elabora, então, o conceito de ensaio teórico-prático, articulando aspectos da epistemologia e da metodologia. Por fim, alinhavam-se recortes teóricos das relações entre fotografia e literatura, que servem de mote para um exercício de criação literária do autor. As referências bibliográficas incluem Jayme Paviani, Roland Barthes, John Berger, François Soulages, Natalia Brizuela, Susan Sontag, Julio Cortázar, entre outros.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luís Roberto Amabile, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Porto Alegre, RS, Brasil.

Doutor em Teoria da Literatura (2017) e em Escrita Criativa (2020) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), em Porto Alegre, RS, Brasil; mestre em Teoria da Literatura pela mesma instituição. Professor da Escola de Humanidades da PUCRS, em Porto Alegre, RS, Brasil. 

Referências

AMABILE, Luís Roberto. Do que estamos falando quando falamos de Escrita Criativa. Revista Criação & Crítica, São Paulo, n. 28, p. 132-149, 2020. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/criacaoecritica/article/view/172813. Acesso em: 24 set. 2021.

AMABILE, Luís Roberto. Será Porto Alegre uma festa? Elucubrações sobre lugares que fomentam a criação literária. Revista Ipotesi, Juiz de Fora, v. 25, n. 1, p. 24-31, jan./jun. 2021. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/35952. Acesso em: 10 jan. 2022.

AMABILE, Luís Roberto. O amor é um lugar estranho. São Paulo: Grua Livros, 2012.

BARTHES, Roland. A Câmara Clara: nota sobre a fotografia. Tradução de Júlio Castañon Guimarães. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1984.

BELLATIN, Mario (Org.). El arte de enseñar a escribir. Cidade do México: Escuela Dinámica de Escritores/Fondo de Cultura Económica, 2007.

BENJAMIN, Walter. A obra de arte na era da reprodutibilidade técnica. In: Magia e técnica, arte e política. Tradução de Sergio Paulo Rouanet. São Paulo: Brasiliense, 1994. (Obras escolhidas, v. 1).

BERGER, John. Para entender uma fotografia. Organização e notas de Geoff Dyer. Tradução de Paulo Geiger. São Paulo: Companhia das Letras, 2017, ebook.

BRIZUELA, Natalia. Depois da fotografia: uma literatura fora de si. Tradução de Carlos Nougué. Rio de Janeiro: Rocco, 2014.

CAMARGO-BORGES, Celiane. Criatividade e imaginação: a pesquisa como transformação de mundo! ARJ – Art Research Journal: Revista de Pesquisa em Artes, [S. l.], v. 7, n. 2, 26 out. 2020. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/artresearchjournal/article/view/21300. Acesso em: 25 maio. 2022.

CORTÁZAR, Julio. Alguns aspectos do conto. In: CORTÁZAR, Julio. Valise de cronópio. Tradução de Davi Arriguci Jr. e João Alexandre Barbosa. São Paulo: Perspectiva, 1993. p. 147-163.

CORTÁZAR, Júlio. As babas do diabo. In: As armas secretas. Tradução de Eric Nepomuceno. Rio de Janeiro: José Olympio, 1994. p. 59-74.

ELUCUBRAÇÃO; In: DICIONÁRIO Priberam da Língua Portuguesa, [2008-2021]. Disponível em: https://dicionario.priberam.org/elucubra%C3%A7%C3%A3o. Acesso em: 27 fev. 2022.

ESCOLA DE HUMANIDADES (Porto Alegre). PUCRS. Programa de Pós-Graduação em Letras. Disponível em:

http://www.pucrs.br/humanidades/programa-de-pos-graduacao-em-letras. Acesso em: 26 fev. 2022.

JASINSKI, Isabel. As cinzas de Beuys em Bellatin e o ritual da lebre morta: articulações do humano e do animal pela linguagem artística. Caracol, São Paulo, v. 1, n. 17, p. 137-169, jul./dez. 2019. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/caracol/article/view/159120. Acesso em: 30 nov. 2021.

NUNEZ, Sigrid. O amigo. Tradução de Carla Fontino. São Paulo: Instante, 2019.

QUERUBINI, Edson. Montaigne e o ensaio. In. Cult. Revista Brasileira de Cultura, São Paulo, ano 20, n. 221, p. 24-27, 10 mar. 2017.

PAVIANI, Jayme. Epistemologia prática: ensino e conhecimento científico. Caxias do Sul: Educs, 2009.

PELLANDA, Luís Henrique (org.). As melhores entrevistas do Rascunho. Porto Alegre: Arquipélago Editorial, 2012

SILVA TORRES, Xiomara Danay. Escribir sin palabras: La fotografía en Los fantasmas del masajista de Mario Bellatin. La Palabra, Tunja (Colômbia), v. 35, p. 29–39, jan./jul. Disponível em: https://revistas.uptc.edu.co/index.php/la_palabra/article/view/8846. Acesso em: 30 nov. 2021.

SONTAG, Susan. Sobre fotografia. Tradução de Rubens Figueiredo. São Paulo: Companhia das Letras, 2004.

SOULAGES, François. Estética da fotografia: perda e permanência. Tradução de Iraci D. Poleti e Regina Salgado Campos. São Paulo: Editora Senac, 2010.

VILAS-BOAS, Sérgio. Perfis: o mundo dos outros – 22 perfis e 1 ensaio. Barueri: Manole, 2014.

Publicado
2022-08-24
Seção
Temathis (Dossiê temático)