Contradições entre a modernização agrícola e o desenvolvimento sustentável

O caso do Alto Uruguai Rio-Grandense – 1975-2017

Palavras-chave: Modernização da agricultura, Desenvolvimento sustentável, AMAU

Resumo

Inserido dentro da História Ambiental e do Tempo Presente, este artigo descreve e analisa algumas transformações geradas pelo processo de modernização da agricultura no norte do estado do Rio Grande do Sul, entre 1975 e 2017, a partir do estudo de caso dos estabelecimentos agropecuários situados nos municípios que integram a Associação dos Municípios do Alto Uruguai (AMAU). Para isso, utiliza-se como fonte principal de pesquisa as informações contidas nos Censos Agropecuários realizados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com destaque para as seguintes variáveis: número e área dos estabelecimentos agropecuários; pessoal ocupado; escolaridade; recebimento de assistência técnica; uso de adubação; e utilização de agrotóxicos. O estudo indica que o modelo de agricultura adotado nessa região, especialmente a partir da década de 1970, provocou vários impactos socioambientais que são contraditórios à proposta de desenvolvimento sustentável estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU), consolidada atualmente na “Agenda 2030”, da qual o Brasil é signatário.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anacleto Zanella, Universidade de Passo Fundo (UPF), Passo Fundo, RS

Mestre e doutorando em História pela Universidade de Passo Fundo (UPF).

Referências

ABRAMOVAY, Ricardo. Muito além da economia verde. São Paulo: Ed. Abril, 2012.

ALBUQUERQUE, Guilherme Souza Cavalcanti de; LOPES, Carla Vanessa Alves. Agrotóxicos e seus impactos na saúde humana e ambiental: uma revisão sistemática. Saúde Debate, Rio de Janeiro, v. 42, n. 117, p. 518-534, abr./jun. 2018. https://doi.org/10.1590/0103-1104201811714.

ALVES, Clovis Tadeu; TEDESCO, João Carlos. A revolução verde e a modernização agrícola na mesorregião noroeste do Rio Grande do Sul – 1960/1970. Teoria e Evidência Econômica, Passo Fundo, ano 21, n. 45, p. 257-281, jul./dez. 2015. https://doi.org/10.5335/rtee.v21i45.6187.

ASSOCIAÇÃO DOS MUNICÍPIOS DO ALTO URUGUAI (AMAU). História – Missão – Atuação. Disponível em: https://www.amau.com.br/site/institucional/historia/. Acesso em: 10 fev. 2020.

BRUM, Argemiro Jacob. Modernização da agricultura: trigo e soja. Petrópolis, RJ: Vozes, 1988.

CASSOL, Ernesto; Centro de Ensino Superior de Erexim (CESE). Histórico de Erechim. Passo Fundo, RS: Instituto Social Padre Berthier, 1979.

CECHIN, Andrei. A natureza como limite da economia: a contribuição de Nicholas Georgescu-Roegen. São Paulo: Editora Senac São Paulo/Edusp, 2010.

CENCI, Douglas; DEGGERONE, Zenicleia Angelita. Caminhos e condições para sucessão na agricultura familiar. In: ROCHA, Humberto José et al. (org.). Jovens na agricultura familiar: gestão e inovação para a sustentabilidade. Curitiba: CRV, 2016. p. 95-101.

Conselhos Regionais de Desenvolvimento – COREDEs. Apresentação. Disponível em: https://atlassocioeconomico.rs.gov.br/conselhos-regionais-de-desenvolvimento-coredes. Acesso em: 10 fev. 2020.

DOSSE, François. História do tempo presente e historiografia. Tradução de Silvia Maria Fávero Arend. Tempo e Argumento, Florianópolis, v. 4, n. 1, p. 5-22, jan. /jun. 2012. https://doi.org/10.5965/2175180304012012005.

GERHARDT, Marcos. Uma história ambiental da modernização da agricultura: o norte do Rio Grande do Sul. História: Debates e Tendências, Passo Fundo, v. 16, n. 1, p. 166-180, jan./jun. 2016. https://doi.org/10.5335/hdtv.16n.1.6264.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Censo Agropecuário 1975: Rio Grande do Sul I. Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Rio de Janeiro: IBGE, 1979.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Censo Agropecuário 1995-1996. Disponível em: https://sidra.ibge.gov.br/pesquisa/censo-agropecuario/censo-agropecuario-1995-1996. Acesso em: 07 nov. 2019.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Censo Agropecuário 2006: Segunda apuração. Disponível em: https://sidra.ibge.gov.br/pesquisa/censo-agropecuario/censo-agropecuario-2006/segunda-apuracao. Acesso em: 08 nov. 2019.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Censo Agropecuário 2017: Resultados Definitivos. Disponível em: https://sidra.ibge.gov.br/pesquisa/censo-agropecuario/censo-agropecuario-2017. Acesso em: 09 nov. 2019.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Síntese de indicadores sociais: uma análise das condições de vida da população brasileira: 2019 / IBGE, Coordenação de População e Indicadores Sociais. Rio de Janeiro: IBGE, 2019.

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA (IPEA). Fome Zero e agricultura sustentável. Cadernos ODS 2. Brasília: Ipea, 2019. Disponível em: http://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/livros/livros/190625_cadernos_ODS_objetivo_2.pd. Acesso em: 13 nov. 2019.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS (ONU). Declaração de Estocolmo sobre o ambiente humano – 1972. Disponível em: http://www.direitoshumanos.usp.br/index.php. Acesso em: 10 nov. 2019.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS (ONU). Transformando nosso mundo: a Agenda 2030 para o desenvolvimento sustentável. Nova York: Organização das Nações Unidas (ONU), 2015. Disponível em: https://nacoesunidas.org/pos2015/agenda2030/. Acesso em: 11 nov. 2019.

PÁDUA, José Augusto. As bases teóricas da história ambiental. Estudos Avançados, [s. l.], v. 24, n. 68, 2010, p. 81-101. https://doi.org/10.1590/S0103-40142010000100009.

PIRAN, Nédio. Agricultura familiar: lutas e perspectivas no Alto Uruguai. Erechim, RS: Edifapes, 2001.

RIO GRANDE DO SUL. Perfil Socioeconômico COREDE Norte. Porto Alegre: Governo do Rio Grande do Sul, 2015. Disponível em: https://governanca.rs.gov.br/upload/arquivos/201512/15134135-20151117103226perfis-regionais-2015-norte.pdf. Acesso em: 10 fev. 2020.

ROUSSO, Henry. A última catástrofe: a história, o presente, o contemporâneo. Tradução de Fernando Coelho, Fabrício Coelho. Rio de Janeiro: FGV Editora, 2016.

STROPASOLAS, Valmir Luiz. O mundo rural no horizonte dos jovens. Florianópolis: Ed. da UFSC, 2006.

VEIGA, José Eli da. Para entender o desenvolvimento sustentável. São Paulo: Editora 34, 2015.

Publicado
2020-07-15
Como Citar
Zanella, A. (2020). Contradições entre a modernização agrícola e o desenvolvimento sustentável: O caso do Alto Uruguai Rio-Grandense – 1975-2017. Oficina Do Historiador, 13(2), e36519. https://doi.org/10.15448/2178-3748.2020.2.36519
Seção
Artigos