O lado “B” de Evandro Teixeira: fotografia e resistência nos Cadernos Culturais do Jornal do Brasil (1963-1979)

Palavras-chave: Caderno B. Evandro Teixeira. Fotografia. Resistência. Regime civil-militar.

Resumo

Este artigo é o primeiro resultado de pesquisa que tem como objeto a análise das críticas e resistências nas fotografias de Evandro Teixeira publicadas na Capa do Caderno de Cultura intitulado “Caderno B” do Jornal do Brasil, durante o regime civil-militar. O foco de análise se concentra mais precisamente no período de participação do fotógrafo no “Caderno de Cultura”, que se dá de março de 1963 até a Anistia, em agosto de 1979. Consideramos a expressão dos discursos visuais como enfoque principal e os discursos verbais como aporte de sustentação para analisar as representações jornalísticas. Apresentamos uma breve abordagem sobre a importância do “Caderno B” para a cultura na imprensa jornalística nacional, seguida de uma contextualização do trabalho do fotógrafo Evandro Teixeira para compreender, ainda que parcialmente, sua trajetória. Apesar de bastante explorada em trabalhos científicos, raros são os estudos sobre o fotógrafo dedicados a enfatizar a percepção da inserção de suas fotos nos cadernos culturais; fotografias que extrapolam a cultura e os atos da alta sociedade carioca para denúncias e críticas ao sistema então vigente. As fotos de Evandro Teixeira e as notícias que as acompanham demonstram, por vezes, proximidade com o discurso midiático do drama. O discurso simplificado, muitas vezes de formato afetivo, trazia à luz uma mensagem que pudesse ser facilmente captável pelos leitores. O tempo parece fluir em suas fotos, como se o passado fosse presentificado, ou ainda, como se houvesse uma espiral a confluir ora para frente, ou de outro ângulo, ora para o retorno a um evento que parece ser novamente o que outrora fora, só que diferente – ou ambos ao mesmo tempo, na tessitura de uma rede temporal. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Reginâmio Bonifácio de Lima, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUCRS, Porto Alegre, RS
Doutorando pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS. Membro da Academia Acreana de Letras. Professor de História na Universidade Federal do Acre.

Referências

ABREU, Alzira Alves. A modernização da imprensa: 1970-2000. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2002.

ALVES, Fabiana Aline. Fotojornalismo à força: ângulos e planos dos agentes políticos no regime militar brasileiro (1966-1975). Tese (Doutorado em História) – Faculdade de Ciências e Letras, UNESP, 2017.

BONI, Paulo César. Entrevista: Evandro Teixeira. Discursos fotográficos, Londrina, v. 8, n.12, p. 217-252, jan./ jun. 2012. https://doi.org/10.5433/1984-7939.2012v8n12p217

BONI, Paulo César. O discurso fotográfico: a intencionalidade de comunicação no fotojornalismo. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação) – ECA/ Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000.

BURGIN, Victor. Olhando fotografias. In: FERREIRA, Glória; COTRIM, Cecília (org.). Escritos de artistas: anos 60/70. 2. ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2006. p. 389-400.

ETCHEVERRY, Carolina Martins. Fotografias da Ditadura Civil‐Militar brasileira em livros didáticos de história. Revista Tempo e Argumento, Florianópolis, v. 8, n. 17, p. 292-310, jan./abr. 2016. Acesso em: 24 maio 2019. https://doi.org/10.5965/2175180308172016292

FÁVARO, Armando. O Fotojornalismo durante o Regime Militar: imagens de Evandro Teixeira. Dissertação (Mestrado em Comunicação e Semiótica) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUCSP, São Paulo, 2009.

FERRER, Monica Villares. Arte fotográfica e liberdade de expressão: um diálogo entre o Brasil e Cuba (19601990). Dissertação (Mestrado em Arte) – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2010.

GADINI, Sérgio Luiz. Interesses cruzados: a produção da cultura no jornalismo brasileiro. São Paulo: Paulus, 2009.

GASPARI, Elio. A ditadura envergonhada. São Paulo: Companhia das Letras, 2002.

JÁCOME, Phellipy; VIEIRA, Itala Maduell. O lado B do jornalismo: como os cadernos culturais entram na história. Contracampo, Niterói, v. 37, n. 03, p. 1-17, dez. 2018/mar. 2019. https://doi.org/10.22409/contracampo.v37i3.19456

KOSELLECK, Reinhart. Estratos do tempo. Estudos sobre História. Rio de Janeiro: Contraponto, 2014.

KOSSOY, Boris. Fotografia e história. São Paulo: Ateliê Editorial, 2009.

KOSSOY, Boris. Realidades e ficções na trama fotográfica. 3. ed. São Paulo: Ateliê Editorial, 2002.

MAUAD, Isabel Cristina. Da origem dos suplementos literários e cadernos culturais: origens no Brasil e trajetória no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, 1996. Dissertação (Mestrado em Comunicação e Cultura) – Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 1996.

MUNTEAL, Oswaldo; GRANDI, Larissa. A imprensa na história do Brasil: fotojornalismo no século XX. Rio de Janeiro: PUC-Rio/Desiderata, 2005.

PIZA, Daniel. Jornalismo Cultural. São Paulo: Contexto, 2003.

RIBEIRO, Alfredo. Instante Zero do Golpe. Disponível em https://ims.com.br/2017/11/28/instante-zero-golpe/. Acesso em: 04 jun. 2019.

ROUILLÉ, André. A fotografia: entre documento e arte contemporânea. Trad. Constancia Egrejas. São Paulo: Editora Senac São Paulo, 2009.

SOULAGES, François. Estética da fotografia: perda e permanência. Tradução de Iraci D. Poleti e Regina Salgado Campos. São Paulo: Editora Senac São Paulo, 2010.

SOUSA, J. B. As notícias e os seus efeitos: as teorias do jornalismo e dos efeitos sociais dos media jornalísticos. Coimbra: Edições Minerva, 2000.

SOUSA, Jorge Pedro. Fotojornalismo performativo: o serviço de fotonotícia da Agência Lusa de Informação. Porto: Universidade Fernando Pessoa, 1998.

SOUZA LIMA, Patrícia Ferreira de. Caderno B do Jornal do Brasil: trajetória do segundo caderno na imprensa brasileira (1960-85). Tese (Doutorado em História Social) – Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ, Rio de Janeiro, 2006.

SOUZA LIMA. Patrícia Ferreira de. “Meninas do B” no caderno de cultura do Jornal do Brasil da abertura política (1974-1985). Revista Transversos, Rio de Janeiro, v. 03, n. 03, p. 59-76, out.-mar. 2014/2015. Disponível em: www.transversos.com.br. ISSN 2179-7528.

TEIXEIRA, Evandro. A fotografia a serviço da luta contra a ditadura militar no Brasil. Discursos Fotográficos, Londrina, v.8, n.12, p. 217-252, jan./jun. 2012. https:// doi.org/10.5433/1984-7939.2012v8n12p217

TEIXEIRA, Evandro. A morada na infância. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 06 de novembro de 1965. Disponível em http://memoria.bn.br/docreader/030015_08/76164. Acesso em: 06 jun. 2019.

TEIXEIRA, Evandro. Canudos 100 anos. 2. ed. Rio de Janeiro: Textual, 1997.

TEIXEIRA, Evandro. Evandro Teixeira: fotojornalismo. Textos de Carlos Drummond de Andrade, Marcos Sá Correa, Antonio Callado e Otto Lara Rezende. 2. ed. Rio de Janeiro: JB, 1982.

TEIXEIRA, Evandro. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. Verbete da Enciclopédia. São Paulo: Itaú Cultural, 2019. Disponível em: http:// enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa7623/evandro-teixeira. Acesso em: 06 jun. 2019. ISBN: 978-857979-060-7

TEIXEIRA, Evandro. O ato de observar. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 29 de outubro de 1965. Disponível em http://memoria.bn.br/DocReader/030015_08/75880. Acesso em: 06 jun. 2019.

TEIXEIRA, Evandro. O fotógrafo arretado que o Brasil e o mundo aprenderam a admirar. Entrevista concedida a Célia Chaim em outubro de 2009. Jornalista e Cia. Disponível em: http://www.jornalistasecia.com.br/especial.htm. Acesso em: 30 maio 2019.

TEIXEIRA, Evandro. Vidas secas: 70 anos, Graciliano Ramos. Rio de Janeiro: Record, 2008.

TEIXEIRA, Evandro; CASTRO, Marcos de. A pelada, essa grave paixão. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro: 18 e 19 de dezembro de 1966. Disponível em http://memoria.bn.br/DocReader/030015_08/93618. Acesso em: 06 jun. 2019.

TEIXEIRA, Evandro; DANÚSIA, Bárbara. Tenho vergonha da mordomia dos altos cargos. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 27 de março de 1979. Disponível em: http://memoria.bn.br/DocReader/030015_09/196497. Acesso em: 06 jun. 2019.

TEIXEIRA, Evandro; MACKSEN, Luiz. O irresistível esporte do futuro. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 16 de novembro de 1971. Disponível em http://memoria. bn.br/DocReader/030015_09/44363. Acesso em: 06 jun. 2019.

TEIXEIRA, Evandro; MALTA, Dacio. O nosso de cada dia. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 04 de novembro de 1961. Disponível em http://memoria.bn.br/DocReader/030015_09/43518. Acesso em: 06 jun. 2019.

TEIXEIRA, Evandro; NETTO, João Luis Faria. Pontemania. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 12 de março de 1974. Disponível em http://memoria.bn.br/DocReader/030015_09/101501. Acesso em: 06 jun. 2019.

TEIXEIRA, Evandro; OLIVEIRA, José Carlos. O homem e a fábula: notícia com ironia. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 05 de abril de 1963. Disponível em http://memoria.bn.br/DocReader/030015_08/38353. Acesso em: 06 jun. 2019.

TEIXEIRA, Evandro; OLIVEIRA, José Carlos. Um príncipe luta em Petrópolis para evitar a derrota das Vitórias. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 6 de maio de 1963. Disponível em http://memoria.bn.br/docreader/030015_08/37281. Acesso em: 06 jun. 2019.

TEIXEIRA, Evandro; PONTUAL, Roberto. A arte que cresce nas ruas. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 02 de julho de 1975. Disponível em http://memoria.bn.br/ DocReader/030015_09/124751. Acesso em: 06 jun. 2019.

Publicado
2020-06-13
Como Citar
de Lima, R. B. (2020). O lado “B” de Evandro Teixeira: fotografia e resistência nos Cadernos Culturais do Jornal do Brasil (1963-1979). Oficina Do Historiador, 13(1), e35158. https://doi.org/10.15448/2178-3748.2020.1.35158
Seção
Artigos