[1]
F. Goulart (PUCRS), “O ontem e o hoje da indústria cultural: do folhetim aos vlogs e redes sociais”, Intuitio, vol. 7, nº 2, p. 104-121, nov. 2014.