[1]
G. A. Luz, “Territórios da Boa Nova: os espaços da festa e os limites da palavra”, Estud. Ibero-Am. (Online), vol. 25, nº 1, p. 113-121, dez. 1999.