Concentrações inibitórias mínimas de amoxicilina em medicamento referência, genérico e similar

  • Debora Regina Daga
  • Emily Tiemy Ito
  • Rosimeire Takaki Rosa
  • Edvaldo Antonio Ribeiro Rosa

Abstract


Os estreptococos do grupo viridans são organismos comumente associados à endocardite após extrações dentais. Por isso, a profilaxia adotada antes desses procedimentos envolve o uso de penicilinas, em especial a amoxicilina. Foram determinadas as Concentrações Inibitórias Mínimas (MIC) de diferentes apresentações de amoxicilina (medicamento de referência, genérico e similar) frente cepas-padrão de estreptococos orais. Não foram detectadas diferenças estatísticas significativas na eficácia das diferentes categorias de amoxicilina e o antibiótico mostrou potência superior à preconizada pela legislação vigente.
UNITERMOS: estreptococos do grupo viridans; endocardite infecciosa; amoxicilina; Concentração Inibitória Mínima.
SUMMARY
The viridans streptococci are organisms commonly associated to post-dental extraction endocarditis. Due to this, the chemoprophilaxis adopted before such kind of procedures involves the use of penicilins, in special amoxicilin. In order to evaluate the efficiency of different presentations of amoxicilin disponible in the Brazilian market, MIC tests (Minimum Inhibitory Concentration) were carried out against oral viridans streptococci. There are no signifficant differences among their antimicrobial capacity.
UNITERMS: viridans streptococci; endocarditis; amoxicillin; Minimum Inhibitory Concentration.
Published
2007-01-23
Section
Original Article