Cinema noir clássico e contemporâneo: influências e construção do imaginário para o gênero

  • Alexandre Rossato Augusti Universidade Federal do Pampa
  • Nathalia Lopes da Silva Universidade Federal do Pampa

Resumo

O presente trabalho busca investigar como o filme noir clássico influencia o cinema contemporâneo reconhecido como neonoir, e descobrir como essas produções podem estabelecer imaginários sobre a temática do crime. Para tanto, observamos mais detalhadamente os filmes Pacto Sinistro (Strangers on a train), de Alfred Hitchcock, (1951) e Cães de Aluguel (Reservoir Dogs), de Quentin Tarantino (1992). Utilizamos autores como Borde e Chaumeton (1958), Mascarello (2006), Fontes (2011), Silva (2006), Maffesoli (2001) e Metz (2012), com destaque para Rose (2002) no que se refere especificamente à aplicação metodológica, baseada em seu método. Dentre as principais conclusões, evidenciamos que os elementos do noir clássico aparecem nos filmes noir atuais como uma releitura, com diferentes significados.

Biografia do Autor

Alexandre Rossato Augusti, Universidade Federal do Pampa
Pós-doutor em Comunicação e Informação (UFRGS); Doutor em Comunicação Social (PUCRS), com estágio sanduíche na Università degli Studi di Salerno (Itália); Mestre em Comunicação e Informação (UFRGS); Jornalista (UFSM); Professor adjunto do curso de Jornalismo da Universidade Federal do Pampa.
Nathalia Lopes da Silva, Universidade Federal do Pampa

Jornalista (Universidade Federal do Pampa)

Mestranda (Mestrado profissional em Comunicação e Indústria Criativa - Unipampa)

Referências

BAPTISTA, Mauro. O cinema de Quentin Tarantino. Campinas, SP: Papirus, 2010.

BENDER, Lawrence; TARANTINO, Quentin. Cães de aluguel (Reservoir Dogs) [filme]. Produção de Lawrence Bender, direção de Quentin Tarantino. EUA, 1992. 99 min. color. son.

BORDE, Raymond; CHAUMETON, Etienne. Panorama del cine negro. Buenos Aires: Ediciones Losange, 1958.

HEREDERO, Carlos F.; SANTAMARINA, Antônio. El cine negro: maduración y crisis de la escritura clásica. Barcelona: Paidós, 1996.

HITCHCOCK, Alfred. Pacto Sinistro (Strangers on a train) [filme]. Produção de Alfred Hitchcock, direção de Alfred Hitchcock. EUA, 1951. 101 min. preto e branco. son.

MAFFESOLI, Michel. O imaginário é uma realidade. Revista Famecos: mídia, cultura e tecnologia. Porto Alegre: Edipucrs, nº 15, ago. 2001.

MATTOS, A. C. de Gomes de. O outro lado da noite: film noir. Rio de Janeiro: Rocco, 2001.

NAZÁRIO, Luiz. De Caligari a Lili Marlene: Cinema Alemão. São Paulo: Global. 1983.

SILVA, Juremir Machado. As Tecnologias do Imaginário. 2ª Ed. Porto Alegre: Sulina, 2006.

SILVER, Alain; URSINI, James. Film noir. Lisboa: Taschen, 2004.

Publicado
2017-10-17
Seção
Artigos