O segredo de Conceição Evaristo em “Fios de ouro” e em “O sagrado pão dos filhos”

Palavras-chave: Conceição Evaristo, Fios de ouro, O sagrado pão dos filhos, Interseccionalidade, Segredo

Resumo

Neste artigo, analiso “Fios de ouro” (p. 49-52) e “O sagrado pão dos filhos” (p. 37-40), contos de Conceição Evaristo, publicados em Histórias de leves enganos e parecenças (2016). Nestas narrativas, a escritora tematiza o segredo e ou o mistério em situações relacionados à afro-brasilidade, o que me leva a abordagens a partir de conceitos tais quais a interseccionalidade, empoderamento, ancestralidade, entre outros. Tomo por base estudos de várias teóricas, entre elas: Carla Akotirene, Djamila Ribeiro, Joice Berth e Lélia González. Examino os contos com o fim de expandir suas fronteiras via as intersecções, especialmente com raça, gênero, classe e cultura.  

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eliane Campello, Universidade Federal do Rio Grande (FURG), Rio Grande, RS, Brasil.

Doutora em Literatura Comparada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), em Porto Alegre, RS, Brasil. Professora do PPG-Letras da Universidade Federal do Rio Grande (FURG), em Rio Grande, RS, Brasil.

Referências

AKOTIRENE, Carla. Interseccionalidade. São Paulo: Sueli Carneiro: Pólen 2019. (Coleção Feminismos Plurais. Coordenação de Djamila Ribeiro).

BENTO, Oluwa Seyi Salles; INÁCIO, Emerson da Cruz. Havia um segredo que só Halima sabia: confluências entre literatura afro-brasileira e mitologia dos Orixás. Anuário de Literatura: Florianópolis, v. 24, n. 1, p. 70-80, 2019. ISSNe 2175-7917.

BERTH, Joice. Empoderamento. São Paulo: Sueli Carneiro; Pólen, 2019. (Coleção Feminismos Plurais. Coordenação de Djamila Ribeiro).

DIANA, Daniela. Mãe-de-ouro. In: Toda Materia; conteúdos escolares. 2011-2021. Disponível em: https://www.todamateria.com.br/mae-de-ouro. Acesso em: 3 fev. 2021.

EVARISTO, Conceição. Ponciá Vicêncio. Belo Horizonte: Maza Edições, 2003.

EVARISTO, Conceição. Histórias de leves enganos e parecenças. Rio de Janeiro: Malê, 2016.

EVARISTO, Conceição. O sagrado pão dos filhos. In: EVARISTO, Conceição. Histórias de leves enganos e parecenças. Rio de Janeiro: Malê, 2016. p. 37-40.

EVARISTO, Conceição. Fios de ouro. In: EVARISTO, Conceição. Histórias de leves enganos e parecenças. Rio de Janeiro: Malê, 2016. p. 49-52.

EVARISTO, Conceição. Entrevista a Paulo Moreira Leite, âncora do “Espaço Público”. Publicado por TV Brasil. [S. I.]: 18 jul. 2015. 1 vídeo (58 min 14 seg). Disponível em: https://youtu.be/3oeouOXKDbU. Acesso em: 23 fev. 2021.

EVARISTO, Conceição: Nossa fala estilhaça a máscara do silêncio. Carta Capital, São Paulo, 13 maio 2017. Sociedade. Disponível em: https://www.cartacapital.com.br/sociedade/conceicao-evaristo-201cnossa-fala-estilhaca-a-mascara-do-silencio201d/. Disponível em: https://goo.gl/ARsknv. Acesso em: 20 jan. 2021.

EVARISTO, Conceição. A Escrevivência e seus subtextos. In: Escrevivência: a escrita de nós. Reflexões sobre a obra de Conceição Evaristo. 1. ed. DUARTE, Constância Lima; NUNES, Isabella Rosado (org.). Ilustrações de Goya Lopes. Rio de Janeiro: Mina Comunicação e Arte, 2020. p. 27-46.

GONZÁLEZ, Lélia. Racismo e sexismo na Literatura Brasileira. Revista Ciências Sociais Hoje, [S. I.], Anpocs, p. 223-244, 1984. Apresentado na Reunião do Grupo de Trabalho “Temas e Problemas da População Negra no Brasil”, IV Encontro Anual da Associação Brasileira de Pós-graduação e Pesquisa nas Ciências Sociais, Rio de Janeiro, 31 de outubro de 1980. Disponível em https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/4584956/mod_resource/content/1/06%20%20GONZALES%2C%20L%C3%A9lia%20%20Racismo_e_Sexismo_na_Cultura_Brasileira%20%281%29.pdf. Acesso em: 3 mar. 2021.

GONZÁLEZ, Lélia. Por um feminismo Afro-latino-Americano. Caderno de formação política do Círculo Palmarino, Brasil, n. 1, p. 12-20, 2011.

GRIOTS: os guardiões da palavra. In: Mawon: consultoria para emigrantes. Disponível em: https://www.mawon.org/post/griots-os-guardi%C3%B5es-das-palavras#. Acesso em: 20 fev. 2021.

HENRIK, Juliana. Tranças africanas: eis a história! In: VOZ da Comunidade. Rio de Janeiro, 16 jan. 2019. Disponível em: https://www. vozdascomunidades.com.br/geral/trancas-africanas-eis-historia. Acesso em: 3 fev. 2021. hooks, bell. remembered raptures: the writer at work. New York: Henry Holt, 1999.

MICHALS, Debra (ed.). Sojourne Truth (1797-1883). [S. I.], 2015. Disponível em: https://www.womenshistory.org/education-resources/biographies/sojourner-truth. Acesso em: 3 mar. 2021.

PERROT, Michelle. Minha história das mulheres. Tradução de Angela M. S. Corrêa. São Paulo: Contexto, 2007.

REMÉDIOS, Maria Luiza Ritzel. Africanidade e história da literatura. Cadernos do Centro de Pesquisas Literárias da PUCRS, Porto Alegre, v. 10, n. 1, p. 27-30. set. 2004.

RIBEIRO, Djamila. O que é lugar de fala? Belo Horizonte: Letramento, 2017.

SALGUEIRO, Maria Aparecida. Escrevivência: conceito literário de identidade afro-brasileira. In: Escrevivência: a escrita de nós. Reflexões sobre a obra de Conceição Evaristo.

DUARTE, Constância Lima; NUNES, Isabella Rosado (org.). Ilustrações de Goya Lopes. 1. Ed. Rio de Janeiro: Mina Comunicação e Arte, 2020. p. 96-113.

SIGNIFICADOS dos Nomes Próprios Africanos. In: Geledés Instituto da Mulher Negra. São Paulo, 8 dez. 2013. Disponível em: https://www.geledes.org.br/significados-dos-nomesproprios-africanos. Acesso em: 20 fev. 2021.

SILVA, Nivana. Histórias de nomes próprios e escrevivências. In: Leituras Contemporâneas, [S. I.], 10 nov. 2016. Disponível em: https:// leiturascontemporaneas.org/category/conceicao-evaristo. Acesso em: 3 dez. 2020.

SILVA, Assunção de Maria Sousa e. Prefácio: A fortuna de Conceição. In: EVARISTO, Conceição. Histórias de leves enganos e parecenças. Rio de Janeiro: Malê, 2016. p. 6-14.

SPIVAK, Gaiatry Chacravorty. Pode o subalterno falar? Tradução de Sandra Regina Goulart Almeida, Marcos Pereira Feitosa e André Pereira Feitosa. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2010.

TRUTH, Sojourner. E eu não sou uma mulher? Tradução de Osmundo Pinho. In: Portal Geledés, 8 jan. 2014. Disponível em: https://www.geledes.org.br/e-nao-sou-uma-mulher-sojourner-truth. Acesso em: 3 mar. 2021.

WALKER, Barbara G. The woman´s dictionary of symbols and sacred objects. New York: HarperCollins, 1988.

ZÂMBI. In: Wikipedia: a enciclopédia livre. [San Francisco, CA: Wikimedia Foundation, 2018] Disponível em: https://pt.wikipedia. org/ wiki/Zambi. Acesso em: 6 mar 2021.

ZÂMBI. In: Infopedia.pt. Disponível em: https://www.infopedia.pt/dicionarios /lingua-portuguesa/zambi. Acesso em: 6 mar 2021.

Publicado
2021-11-09
Como Citar
Campello, E. (2021). O segredo de Conceição Evaristo em “Fios de ouro” e em “O sagrado pão dos filhos”. Letras De Hoje, 56(2), 204-214. https://doi.org/10.15448/1984-7726.2021.2.40479
Seção
O Conto Brasileiro Contemporâneo de Autoria Feminina