Conectando intimidade e economia através das obras de Viviana Zelizer

Palavras-chave: Viviana Zelizer, Nova Sociologia Econômica, Mundos Conectados

Resumo

O presente artigo tem como objetivo oferecer uma síntese do pensamento da socióloga argentina Viviana Zelizer e das suas contribuições sobre o significado cultural e moral da economia. Através de um diálogo com suas obras, o texto trazido aqui busca demonstrar como as relações econômicas são constantemente moldadas pelos sistemas de significados atribuídos pelas pessoas e pelos contatos sociais que elas estabelecem no intercurso da vida cotidiana. O artigo busca demonstrar como as relações íntimas e os afetos se conectam com as transações econômicas. Para tanto, a autora nos oferece uma contraposição ao esquema teórico convencional da economia clássica e neoclássica, segundo o qual, o mercado afeta de maneira altamente prejudicial a solidariedade e as relações pessoais. Dessa forma, ao superar a oposição entre intimidade e economia, a análise dos mundos conectados de Zelizer, nos oferece uma alternativa para pensar sobre a dinâmica da vida social, não apenas pelo viés das instituições, das organizações, dos valores e da racionalidade, mas sim, a partir do seu enraizamento e da sua relação com os aspectos sociais, culturais e afetivos que permeiam a vida dos indivíduos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Bezerra Milanês, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), Rio de Janeiro, Brasil

Doutora e Mestra em Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Possui Bacharelado em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Campina Grande, PB, Brasil.

Referências

Bandelj, Nina. 2012. Relational work and Economic Sociology. Politics & Society 40 (2): 175–201. https://doi.org/10.1177/0032329212441597.

Ertman, Martha M. 2009. For both love and money: Viviana Zelizer's The purchase of intimacy. Law & Social Inquiry. 4 (34):1017-1037. https://doi.org/10.1111/j.1747-4469.2009.01173.x.

Fernandes, Camila. 2013. Zelizer, Viviana A. 2011. A negociação da intimidade. Mana 19 (2): 400-402. https://doi.org/10.1590/S0104-93132013000200012.

Freire, Alyson. 2014. Economia versus intimidade: uma alternativa via as sociologias de Viviana Zelizer e Eva Illouz. Latitude 8 (2): 255-287. https://doi.org/10.28998/2179-5428.20140203.

Granovetter, Mark. 2005. The impact of social structure on economic. Journal of Economic Perspectives 19 (1): 33-50. https://doi.org/10.1257/0895330053147958.

Granovetter, Mark. 2007. Ação econômica e estrutura social: o problema da imersão. Revista de Administração de Empresas 6 (1). https://doi.org/10.1590/S1676-56482007000100006.

Guimarães, Nadya A.; André Vereta-Nahoum; Federico Neiburg e Bianca Freire-Medeiros. 2017. A negociação da intimidade, dez anos depois. Entrevista com Viviana Zelizer. Tempo social 29 (1): 190-209. https://doi.org/10.11606/0103-2070.ts.2017.125519.

Lopes Júnior, Edmilson. 2002. As potencialidades analíticas da Nova Sociologia Econômica. Sociedade e Estado 17 (1): 39-62. https://doi.org/10.1590/S0102-69922002000100004.

Ossandón, José. 2019. Situating Zelizer: a beginners’ guide. Sociologica 3 (13):185-190. https://doi.org/10.6092/issn.1971-8853/10131.

Ossandón, José e Viviana Zelizer. 2019. How did I become a historical economic sociologist? Viviana Zelizer in Conversation with José Ossandón. Sociologica 3 (13):191-196. https://doi.org/10.6092/issn.1971-8853/10132.

Steiner, Philippe. 2006. A Sociologia Econômica. São Paulo: Atlas.

Vale, Gláucia Maria Vasconcellos e Liliane de Oliveira Guimarães. 2010. Redes sociais na criação e mortalidade de empresas. Revista de Administração de Empresas 50 (3): 325-337. https://doi.org/10.1590/S0034-75902010000300008.

Wilkinson, John. 2016. Os mercados não vêm do "mercado". In Construção de mercados e agricultura familiar: desafios para o desenvolvimento rural, organizado por Flávia Charão Marques, Marcelo Antônio Conterato e Sergio Schneider, 53-74. Porto Alegre: Editora da Ufrgs.

Zelizer, Viviana. 2005a. Circuits within capitalism. In The economic sociology of capitalism, organizado por Victor Nee e Richard Swedberg, 29 – 322. Princeton: Princeton University Press.

Zelizer, Viviana. 2005b. The purchase of intimacy. Princeton: Princeton University Press.

Zelizer, Viviana. 2007. Viviana Zelizer answers ten questions about economic sociology. The European Electronic Newsletter 3 (8): 41-45. http://hdl.handle.net/10419/155894.

Zelizer, Viviana. 2008. Pasados y futuros de la sociología económica. Apuntes de investigación del Cecyp 14.

Zelizer, Viviana. 2009. Dualidades perigosas. Mana 15 (1): 237-256. https://doi.org/10.1590/S0104-93132009000100009.

Zelizer, Viviana. 2010. A economia do care. Civitas 10 (3): 376-391. https://doi.org/10.15448/1984-7289.2010.3.8337.

Zelizer, Viviana. 2020. Interview 15 Viviana A. Zelizer. In A Journey of Discovering Sociology. What sociology is in 20 contemporary American sociologists’ eye, organizado por Long Chen, 145-155. Singapore: Springer. https://doi.org/10.1007/978-981-15-6603-5_15.

Publicado
2020-12-31
Como Citar
Milanês, R. B. . (2020). Conectando intimidade e economia através das obras de Viviana Zelizer. Conversas & Controvérsias, 7(2), e39441. https://doi.org/10.15448/2178-5694.2020.2.39441
Seção
Dossiê - Instituições e práticas econômicas em foco: contribuições das Ciências