[1]
J. Segata e T. Rifiotis, “Digitalização e dataficação da vida”, Civitas, vol. 21, nº 2, p. 186-192, ago. 2021.