REGISTRO DE LEUCISMO EM PARDAL (<i>Passer domesticus,</i>), (LINEAEUS, 1758), PARA O SUL DO BRASIL

  • Luiz Liberato Costa Corrêa UNIVATES
  • Darliane Evangelho Silva ONG Interação de Trabalhos Ambientais
  • Adriane de Oliveira Trindade UNIPAMPA
  • Stefan Vilges de Oliveira Universidade de Brasília
Palavras-chave: leucístico, pardal, Rio Grande do Sul, São Sepé

Resumo

Apresentamos aqui um registro de leucismo em Pardal Passer domesticus no município de São Sepé, Rio Grande do Sul, Brasil. O indivíduo parcialmente leucístico possui plumagem redominantemente canela com regiões despigmentadas, fugindo da coloração padrão da espécie. Este se trata do primeiro registro de leucismo em pardal para o Rio Grande do Sul.

Biografia do Autor

Stefan Vilges de Oliveira, Universidade de Brasília
Biólogo Aluno de Especialização em Ecologia Aquática Costeira, FURG e aluno Especial de Mestrado em Biologia de Ambientes Aquáticos Continentais, FURG. desenvolvo trabalhos relacionados a Zoologia com enfase em Mastozoologia e Herpetologia.
Publicado
2012-04-24
Seção
Artigos