Sobre a presença de <i>Tapirus</i> (Tapiridae, Perissodactyla) na Formação Touro Passo (Pleistoceno Superior), oeste do Rio Grande do Sul

  • Leonardo Kerber
  • Edison Vicente Oliveira PUCRS Uruguaiana

Resumo

É descrito pela primeira vez um fóssil de Tapirus sp., no Pleistoceno Superior na Formação Touro Passo, oeste do Rio Grande do Sul, Brasil. O espécime reportado consiste em um m2 ou m3 direito incompleto. O característico lófido esta presente, e a presença de cristas e cúspides bem marcadas sugerem uma forma mais plesiomórfica que a espécie atual Tapirus terrestris. A presença de Tapirus e outros taxa de distribuição temperada a tropical na Formação Touro Passo sugere uma relação biogeográfica mais relacionada às assembléias do Norte do Uruguai e da região mesopotâmica argentina (Províncias de Entre Ríos e Corrientes). Palavras-chave: anta, dente, Quaternário, paleobiogeografia.
Seção
Artigos